???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/11921
Tipo do documento: Dissertação
Título: Influencia da taxa de repetição do estimulo clique na latência e amplitude do potencial evocado auditivo de tronco encefálico
Autor: Bento, Daniela Veronese 
Primeiro orientador: Lewis, Doris Ruthy
Resumo: INTRODUÇÃO: O estímulo clique é utilizado para avaliar a integridade do sistema auditivo e verificar a sincronia neural. No registro do Potencial Evocado Auditivo de Tronco Encefálico (PEATE) podem ser utilizadas diferentes taxas de apresentação do clique para sensibilizar o exame. Entretanto, devido a possíveis diferenças que podem ocorrer nas latências e amplitudes no PEATE, faz-se necessária a realização de um estudo que forneça dados normativos, para fundamentar o diagnóstico audiológico e auxiliar na tomada de decisões quanto aos protocolos utilizados na prática clínica. OBJETIVO: Estudar a influência de duas taxas diferentes de repetição do estímulo clique no PEATE, em adultos, neonatos-termo e prematuros. MÉTODO: Dez neonatos-termo (GI), dez adultos (GII) e dez neonatos prétermos (GIII) com audição normal foram submetidos ao registro do PEATE por via aérea nas taxas de repetição de 27.7 e 61.1 cliques/segundo nas intensidades de 80, 60 40 e 20 dBnNA. RESULTADOS: As médias e medianas apresentaram valores próximos para cada combinação de taxa de repetição e grupos, sugerindo que a distribuição das variáveis estudadas apresenta simetria. Entretanto, na intensidade de 80 dBnNA, a taxa de repetição de 61.1 cliques/segundo obteve a latência absoluta das ondas I, III e V aumentada nos grupos GI e GIII (valor P=0,003, valor P=0+ e valor P=0+, respectivamente) e amplitude das ondas III e V reduzida no GI e GII (valor P=0,014 e valor P=0+), sendo que a onda III teve amplitude mais reduzida com a polaridade rarefeita (valor P=0,014). Além disso, o tempo de latência dos intervalos interpicos I-III foi maior para o GI e GIII (valor P=0,035); em III-V foi maior para o GIII (valor P=0+) e em I-V foi maior para o GI (valor P=0+). Em 60 dBnNA, a latência foi maior para GI e GIII, e em 61.1 cliques/segundo nos três grupos (valor P=0+), e a amplitude foi menor para GI e GIII (P=0,001). Em 40 dBnNA, as duas taxas de repetição obtiveram latência maior e amplitude menor em GI e GIII (valor P=0,005 e valor P=0,001, respectivamente); entretanto, os três grupos apresentaram tempo de latência maior em 61.1 cliques/segundo (valor P=0,005). Em 20 dBnNA, a latência foi maior para GII e GIII em 61.1 cliques/segundo (valor P=0,020), e a amplitude foi menor para GI e GIII (valor P=0,002). A média de duração do exame foi maior em 27.7 cliques/segundo (valor P=0+) nos três grupos. CONCLUSÃO: Apesar do aumento da latência e da diminuição da amplitude, o método de elevar a taxa de repetição do estímulo acústico para registrar respostas eletrofisiológicas da audição pode ser incorporado para sensibilizar o exame, investigando a integridade do sistema auditivo e a sincronia neural, com tempo de realização do exame diminuído
Abstract: INTRPDUCTION: Many different rates for ABR can be used to sensitize the exam. However, due to possible differences that can occur in the latencies and amplitudes when using ABR, it is necessary to carry out research to support the audiological diagnosis and help the clinical decision-making process. AIM: To study the influences at the two different repetition stimulus rates in the ABR in adults, neonates and premature infants. METHOD: ten normal-hearing neonates (GI), adults (GII) and premature infants (GIII) were subjected to ABR registration by air with repetition rates from 27.7 to 61.1 clicks per second (intensities: 80, 60, 40 and 20 dBHL). RESULTS: The arithmetic means and medians showed adjacent values for each combination of repetition rate and groups, which suggests that the distribution of the variables shows symmetry. Nevertheless, at 80 dBHL, the repetition rate of 61.1 clicks per second attained an absolute latency in waves I, II and V augmented in the groups GI and GIII (P=0.003, P=0* and P=0, respectively) and the amplitude in waves III and V reduced in the GI and GII (P=0.014 and P=0*). Wave III had the most reduced amplitude with a rarefied polarity (P=0.014). Moreover, the latency time during interpeak intervals I-III were higher for GI and GIII (P=0.0035); during III-V were higher for GIII (P=0*) and during I-V were higher for GI (P=0*). At 60 dBHL, the latency was higher for GI and GIII, -at 61.1 clicks per second in the three groups (P=0+)-, and the amplitude was more reduced for GI and GII (P=0,001). At 40 dBHL, two repetition rates attained a higher latency and reduced amplitude for GI and GII (P=0,005 and P=0,001, respectively); however, the three groups presented a higher latency time at 61.1 clicks per second (P=0,005). At 20 dBHL, the latency was higher for GII and GIII - 61.1 clicks per second (p=0,020)-, and the amplitude was smaller for GI and GIII (P=0,002). The exam length was higher - 27.7 click per second (P=0*)- in the three groups. CONCLUSION: Despite the latency increase and amplitude reduction, the method of raising the repetition rate of the acoustic stimuli to register electrophysiological hearing responses can be incorporated to sensitize the exam and decrease its duration
Palavras-chave: Potencial evocado auditivo
Audição
Diagnóstico
Adulto
Recém-nascido
Prematuros
Auditory brainstem response
Hearing
Diagnosis
Adult
Newborn
Premature
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Bento, Daniela Veronese. Influencia da taxa de repetição do estimulo clique na latência e amplitude do potencial evocado auditivo de tronco encefálico. 2012. 106 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/11921
Data de defesa: 6-Feb-2012
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Daniela Veronese Bento.pdf1,47 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.