???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12015
Tipo do documento: Dissertação
Título: Triagem auditiva neonatal universal em uma abordagem ambulatorial: revisão integrativa
Título(s) alternativo(s): Newborn hearing screening in a outpatient approach: integrated review
Autor: Lima, Tatiana Pinheiro 
Primeiro orientador: Lewis, Doris Ruthy
Resumo: A triagem auditiva neonatal (TAN) tem por finalidade a identificação, o mais precoce possível, da deficiência auditiva em neonatos e lactentes. Duas abordagens principais podem ser adotas na realização da TAN: no ambiente hospitalar antes da alta, e logo após o nascimento, e quando esta não é possível, em ambiente ambulatorial, após a alta hospitalar. A TAN ambulatorial é adotada principalmente em países onde o número de nascimentos em hospitais é pequeno, em áreas rurais, ou quando ainda não há uma organização suficiente para a realização da mesma em hospitais. Num país como o Brasil, é importante que se possa estudar a possibilidade da realização da TAN em ambiente ambulatorial, sua eficiência e eficácia, e indicadores de qualidade em nossa realidade repleta de diversidades econômicas, sanitárias, educacionais e culturais. Objetivo: Estudar os resultados descritos na literatura sobre Triagem auditiva neonatal (TAN) em contexto ambulatorial por meio de uma revisão integrativa. Método: Revisão integrativa. Estratégia de busca: Bases de dados: MEDLINE, SCieLO, LILAc S e SCOPUS. Seleção e inclusão dos estudos: artigos que descrevem a TAN em neonatos e lactentes de até três meses de idade; que incluíram o local de realização da TAN; que especificaram idade da realização da TAN; que descreveram os testes utilizados e suas etapas; artigos em português, inglês e espanhol. Resultados: Foram identificada 487 referências que atendiam os critérios de inclusão. Após a remoção dos estudos duplicados (83), restaram 404 referências, analisadas por meio dos títulos e resumos. Deste total, 292 foram excluídos por se tratarem de pesquisas com outro tema. Desta forma, 112 referências foram selecionadas, para leitura na íntegra. Deste total, 70 referências foram excluídas. Destas 42 referências foram selecionadas por tratarem do tema, porém 27 referências foram excluídas por não responderam nenhuma das perguntas norteadoras e por abordar uma temática específica. Assim 15 referências preencheram todos os critérios de inclusão. Das 15 referências selecionadas 10 referem apenas aos resultados da Triagem Auditiva Neonatal Ambulatorial e cinco referentes à triagem realizada sistematicamente entre a triagem auditiva neonatal realizada no modelo hospitalar e ambulatorial. A clínica de Imunização Infantil foi o ambiente mais utilizado para abordagem ambulatorial seguido de Centros de Unidade Básica de Saúde UBS. Todos os estudos utilizaram as EOAE para o teste e reteste. Conclusão: Poucos estudos que descrevem a TAN ambulatorial, com resultados confiáveis e de metodologia adequada; A TAN é viável de ser realizada, principalmente na Atenção Básica, mas depende da organização do Sistema de Saúde local. A idade de realização da TAN ambulatorial variam entre o quarto e o 56º dia de vida do lactente e a prevalência de perda auditiva observada na TAN ambulatorial variam de 1,5 a 5.96/1000
Abstract: Neonatal hearing screening (NHS) aims to identify, as early as possible, the hearing loss in newborns and infants. Two main approaches can be adopted in achieving NHS: in the hospital before discharge, and soon after birth, and when this is not possible, in an outpatient setting, after hospital discharge. Outpatient NHS is adopted mainly in countries where the number of births in hospitals is small, in rural areas, or when there is not a sufficient organization to perform NHS in hospitals. In a country like Brazil, it is important to be able to study the possibility of holding the NHS in an outpatient setting, it s efficiency and effectiveness, and quality indicators in our reality full of economic, health, educational and cultural diversities.Objective: To study the results described in the literature on neonatal hearing screening (NHS) in context outpatient through an integrative review.Method: Integrative review.Search Strategy: Databases: MEDLINE, SciELO, lilac'S and SCOPUS. Selection and inclusion of studies: articles describing the NHS in neonates and infants up to three months of age; which included the site of the NHS; who specified age the day of NHS; who described the tests used and its stages; articles in Portuguese, English and Spanish.Results: It was identified 487 references that met the inclusion criteria. After removal of duplicate studies (83) leaving 404 references, analyzed through the titles and abstracts. Of this total, 292 were excluded because they are research with another theme. Thus, 112 references were selected for reading in reading. Of this total, 70 references were excluded. Of these 42 references were selected for addressing the issue, but 27 references were excluded for not answered any of the guiding questions and address a specific theme. Thus references 15 met all inclusion criteria. Of the 15 selected references 10 refer only to the results of the a outpatient Newborn Hearing Screening five reading to screening systematically held between the neonatal hearing screening in the hospital and outpatient model. The Primary care clinic was the most used room for outpatient approach followed by Health Unit Centers. All studies used the OAE for the test and retest. Conclusion: Few studies describing the outpatient NHS, with reliable and appropriate methodology; The NHS is feasible to perform, especially in primary care, but depends on the organization of the local health system. The age of The outpatient NHS vary between the fourth and 56 day of life of the infant and the prevalence of hearing loss observed in outpatient NHS range from 1.5 to 5.96 / 1000
Palavras-chave: Triagem neonatal
Assistência ambulatorial
Lactente
Audição
Newborn screening
Community-based
Infant
Hearing
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Lima, Tatiana Pinheiro. Newborn hearing screening in a outpatient approach: integrated review. 2015. 76 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12015
Data de defesa: 17-Mar-2015
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tatiana Pinheiro Lima.pdf935,16 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.