???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12045
Tipo do documento: Dissertação
Título: Reabilitação fonoaudiológica da disfagia em Equipe Multiprofissional de Terapia Nutricional
Título(s) alternativo(s): Rehabilitation of dysphagia in Multiprofissional Team Nutrition Therapy
Autor: Maria, Samylla Lopes de Santa 
Primeiro orientador: Souza, Luiz Augusto de Paula
Resumo: A Equipe Multiprofissional de Terapia Nutricional (EMTN) é obrigatória nos hospitais brasileiros por determinação da ANVISA (Portaria SVS/MS nº 337). A EMTN é definida como um grupo formal constituído por, pelo menos, um dos seguintes profissionais: médico, nutricionista, enfermeiro e farmacêutico. A inclusão do fonoaudiólogo nessa equipe é opcional, embora seja função específica do fonoaudiólogo a reabilitação das disfagias orofaríngeas, que acometem um número relevante dos pacientes que recebem os cuidados da EMTN. Além disso, o fonoaudiólogo também participa do diagnóstico de outras alterações de deglutição, por meio de avaliação funcional, definindo e realizando o tratamento a fim de habilitar ou reabilitar, compensar e/ou adaptar as funções orais afetadas. OBJETIVO: Descrever e analisar a intervenção fonoaudiológica na reabilitação de quadros disfágicos em pacientes sob os cuidados da EMTN. MÉTODO: Trata-se de estudo quantitativo e descritivo. A amostra foi composta, por conveniência, a partir do fluxo de pacientes na EMTN do Hospital (no período de 60 dias) com diagnóstico de Disfagia Orofaríngea Neurogênica ou Disfagia Orofaríngea Mecânica com grau grave e uso de via alternativa para alimentação. RESULTADOS: Foram analisados 32 pacientes, com média de idade de 72,9 anos (dp=12,7). O diagnóstico médico mais frequente foi a doença neurológica progressiva com 46,9%. O diagnóstico fonoaudiológico de disfagia orofaríngea neurogênica progressiva foi o mais frequente, com 50%. Quando comparados os marcadores fonoaudiológicos para disfagia, na avaliação e na alta hospitalar, observou-se significância estatística com variação de p = <0,001 a 0,049. Houve redução nos quadros de pneumonias, de 54,1% para 3,1%, assim como associação estatisticamente significativa entre o prognóstico da fonoaudiologia de Liberação de Via Oral (LVO) com 68,2% de dieta por Via Oral (VO) na alta. Quanto a via alimentar na alta hospitalar nota-se que os marcadores apresentam melhora de status, com significância estatística sobretudo para pacientes com dieta exclusiva por VO na alta. Em relação aos tipos de dieta, observou-se que pacientes com disfagia neurogênica progressiva receberam alta com índice maior para dieta modificada (63,6%), assim como houve melhora de status dos marcadores de grave para adequado e leve principalmente em pacientes com dieta sólida na alta hospitalar. CONCLUSÃO: a reabilitação fonoaudiológica da disfagia, em pacientes acompanhados pela EMTN, foi eficaz: 65,6% dos pacientes retornaram a alimentação para VO de forma exclusiva ou por prazer alimentar. Tal resultado dependeu do trabalho fonoaudiológico, mas a partir da ação multi e interprofissional na EMTN, em função da qual potencializam-se as atuações de cada especialidade profissional envolvida
Abstract: The Multidisciplinary Team of Nutritional Therapy (EMTN) is mandatory in Brazilian hospitals for determination of ANVISA (SVS / MS No. 337). The EMTN is defined as a formal group consisting of at least one of the following professionals: doctor, nutritionist, nurse and pharmacist. The inclusion of this team speech therapy is optional, although specific speech therapy function in rehabilitation of oropharyngeal dysphagia, affecting a significant number of patients receiving care of the EMTN. Furthermore, the speech therapy also participates in the diagnosis of other swallowing disorders, functional evaluation by defining and performing the treatment in order to enable or re-enable compensate and / or adjust the oral functions affected. OBJECTIVE:To describe and analyze the speech therapy in the rehabilitation of dysphagia frames in patients under the care of the EMTN. METHOD: This is a quantitative and descriptive study. The sample was composed for convenience from the flow of patients in the Hospital of the EMTN (within 60 days) diagnosed with neurogenic oropharyngeal dysphagia or mecânica oropharyngeal dysphagia with severe degree and use of alternative route to power. RESULTS: 32 patients were analyzed, with a mean age of 72.9 years (SD = 12.7). The most frequent medical diagnosis was a progressive neurological disease with 46.9%. The speech diagnosis of progressive neurogenic oropharyngeal dysphagia was the most frequent, with 50%. When comparing the speech therapy markers for dysphagia, evaluation, and hospital discharge, there was statistical significance ranging from p = <0.001 to 0.049. There was a reduction in cases of pneumonia, from 54.1% to 3.1%, as well as statistically significant association between the prognosis of speech therapy Release Oral (LVO) with 68.2% of diet for Oral (VO) in high. As for dietary at discharge is noted that the markers present status of improvement, with statistical significance especially for patients with unique diet orally high. In relation to the types of diet, it was observed that patients with neurogenic progressive dysphagia received high with the highest rate for modified diet (63.6%) and there was improvement in severe status markers for appropriate and especially in patients with mild diet solid at hospital discharge. CONCLUSION: the rehabilitation of dysphagia in patients followed by the EMTN was effective: 65.6% of the patients returned to power for VO exclusively for food or pleasure. This result depended on speech therapy, but from the multi and interaction in EMTN, according to which leverage up the performances of each professional specialty involved
Palavras-chave: Disfagia
Terapia nutricional
Unidade de Terapia Intensiva
Speech therapy
Dysphagia
Nutritional therapy
Intensive Care Unit
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Maria, Samylla Lopes de Santa. Reabilitação fonoaudiológica da disfagia em Equipe Multiprofissional de Terapia Nutricional. 2016. 84 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12045
Data de defesa: 26-Feb-2016
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Samylla Lopes de Santa Maria.pdf6,63 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.