???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12094
Tipo do documento: Dissertação
Título: Da inclusão dos pais no atendimento fonoaudiológico de crianças com sintomas de linguagem: o que diz a literatura
Autor: Cordeiro, Denise Terçariol
Primeiro orientador: Passos, Maria Consuelo
Resumo: A inclusão dos pais no atendimento fonoaudiológico de crianças com sintomas de linguagem configura-se como a temática deste trabalho. As questões que me levaram a desenvolver este estudo tiveram sua origem, principalmente, na minha experiência como docente em um Curso de Fonoaudiologia, na medida em que vinha me deparando com indagações da seguinte ordem: o papel do fonoaudiólogo frente ao discurso parental, os sentidos da inclusão dos pais no atendimento de seus filhos, e, o limite entre a intervenção fonoaudiológica e psicológica no trabalho com pais. As possíveis implicações dos pais na constituição da linguagem e da subjetividade da criança constituem o ponto de partida das minhas reflexões, e são pautadas nos pressupostos teóricos da psicanálise e no interacionismo brasileiro, tal como proposto por De Lemos e col.. Com o objetivo de identificar e caracterizar como a clínica fonoaudiológica vem dando sentido à referida inclusão, esta investigação é sustentada pela literatura da área. O reconhecimento de que esta inclusão encontra-se implicada às concepções de clínica dos autores estudados, levou-me a delinear este trabalho a partir dos dois modelos clínicos vigentes no campo fonoaudiológico, o da objetividade e o da subjetividade. Portanto, ao longo deste estudo aponto proposições divergentes quanto à referida inclusão; e, o que toma destaque na investigação é a necessidade da problematização dos significantes escuta e interpretação , no campo fonoaudiológico, uma vez que a escuta a pais é considerada como essencial no atendimento fonoaudiológico de crianças com sintomas de linguagem.
Abstract: This work deals with the inclusion of parents in speech therapy sessions with children showing language manifestations. The questions that led me to develop this study originally came from my experience as a professor in a Speech Therapy course, in which I progressively noticed queries of the following orders: the role of the speech therapist concerning the parental discourse, the reasons for the parents inclusion in their children s speech therapy, and, the limit between the speech therapy intervention and the psychological intervention when working with the parents. The possible implications of parents in the child s formation of language and subjectivity constitute the starting point of my reflections, and are based on psychoanalysis theoretical considerations and on the Brazilian interactionism, according to the proposals of De Lemos et al.. This investigation is supported by the literature in this area and aims at identifying and characterising the reasons for parental inclusion in the speech therapy clinics. The recognition of this inclusion is related to the clinic conceptions of the authors studied, and they lead me to outline this work based on two clinical models currently used in the field of speech therapy, which are objectivity and subjectivity. Therefore, throughout this study I point out diverging proposals concerning the inclusion mentioned; and, the most important discovery of this investigation is the necessity of questioning the signifiers hearing and vi interpretation in the field of speech therapy, since parents consider hearing to be essential in speech therapy sessions of children with language symptoms.
Palavras-chave: fonoaudiologia
relação pai-filho
clínica fonoaudiológica
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Cordeiro, Denise Terçariol. Da inclusão dos pais no atendimento fonoaudiológico de crianças com sintomas de linguagem: o que diz a literatura. 2000. 91 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2000.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12094
Data de defesa: 30-Mar-2000
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_61623.pdf418,34 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.