???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12129
Tipo do documento: Dissertação
Título: As dificuldades de aprendizagem sob a perspectiva da escuta fonoaudiológica e do olhar dos profissionais da educação: construindo possibilidades de intervenção
Autor: Zorzi, Daniella Sampaio 
Primeiro orientador: Maia, Suzana Magalhães
Resumo: Introdução: Nos últimos anos, a grande demanda de crianças e adolescentes que apresentam algum tipo de problema em seus processos de aprendizagem tem se configurado como uma questão para a saúde pública. No entanto, nas avaliações fonoaudiológicas evidenciou-se que a maior parte das dificuldades enfrentadas nesses casos não estava atrelada a um distúrbio específico de linguagem. Isto implica dizer que o desempenho pedagógico abaixo do esperado pode ter mais relação com uma restrição referente aos usos e funções sociais da leitura e da escrita, ou seja, com um baixo grau de letramento. Trata-se de uma problemática multifacetada que perpassa os diferentes setores da sociedade, em especial a saúde e a educação. Visto isso, para que o enfrentamento de tal problemática seja mais efetivo, torna-se necessária uma aproximação maior dos profissionais da saúde com o universo escolar para que possamos caminhar em direção à promoção de estratégias de intervenção intersetoriais. Objetivo: Identificar e analisar como as educadoras dos Nuses e os professores do Ensino Fundamental I de uma escola da rede pública de ensino da região do Jaguaré, lidam com as dificuldades de aprendizagem em suas salas de aula. Método: Para levantamento dos dados foi utilizada a técnica do grupo focal. Foram desenvolvidos dois grupos focais, sendo um com as quatro educadoras dos Nuses (duas do Nuse Santa Cruz e duas do Nuse Bom Jesus) e outro com sete professoras de uma mesma escola da região, a qual possui um número significativo de alunos que também freqüentam os Nuses. O fluxo de debate foi semi-estruturado e o encontro teve duração aproximada de duas horas e gravado em fita cassete para posterior transcrição e análise. Resultados: De modo geral, ambos os grupos relacionam as dificuldades de aprendizagem com causas orgânicas e percebem sua existência por meio de mudanças de comportamento de seus alunos. A família e o atual sistema de ensino das escolas públicas foram citados como fatores que influenciam diretamente nessa problemática e foi alvo de críticas das participantes. Apesar de mencionar e considerar como dado relevante as condições de vida de seus alunos e a falta de acesso a meios culturais que muitos apresentam, nos dois grupos não relacionou-se tais questões às dificuldades de aprendizagem. Outro aspecto relevante levantado foi a falta de devolutiva por parte dos diferentes profissionais da área da saúde sobre os encaminhamentos realizados por elas, considerada como determinante para orientar suas práticas em sala de aula. Notou-se ainda a influência da assessoria fonoaudiológica desenvolvida nos Nuses nas respostas das educadoras e na forma de se posicionarem frente às dificuldades de aprendizagem. Conclusão: Os diferentes setores ainda funcionam de forma desarticulada, o que restringe o alcance de suas ações. É essencial a construção de parcerias entre os diferentes setores, tecendo redes de cuidado e de proteção na tentativa de se transversalizar as ações de enfrentamento das dificuldades de aprendizagem, aumentando seu alcance e sua potencialidade
Abstract: Introduction: In recent years, the enormous demand of children and adolescents who present some type of problem in their learning process has configured as a public health issue. However, in the speech language pathology evaluations it was proven that most of the difficulties faced in these cases was not connected to a specific language disturb. It implies to say that the pedagogical performance, below the expected, it is more related to a restriction to the social uses of reading and the writing. In other words, related to a low degree of literacy. We talk about a multifaceted problematic that crosses the different sectors of the society, in special the health and the education. Having said that, a better approach of the health professionals with the school universe is necessary in order to lead us torwards the promotion of intersector intervention strategies and have the problematic confrontation more effective. Objective: to identify and to analyze how the educators of the Nuses and the professors of Elementary school of the public net in Jaguaré deal with the difficulties of learning in their classrooms. Method: For data survey the focal group technique was used. Two focal groups were developed, being one formed by four Nuse s educators (two from Nuse Santa Cruz and two from Nuse Bom Jesus) and another one formed by seven teachers of the same school, which possesss a significant number of pupils who also go to the Nuses. The discussion flow was semi-structured and the meeting had a two hour duration and was recorded in cassette for posterior transcription and analysis. Results: In general way, both groups relate the difficulties of learning with organic causes and perceive its existence through changes in the pupils behavior. The family and the current system of education in public schools have been cited as factors that influence directly in this problematic and were the main point of critical by the participants. In spite of mentioning and considering the condition of life of their pupils and the lack of access to cultural information they present, both groups did not relate such questions to the learning difficulties. Another relevant aspect taking into consideration was the lack of feedback on the part of the different professionals of the health area on the referrals carried through them, considered as determinant to guide their practical in classroom. It was also noticed the influence of speech language pathology assessorship developed in the Nuses by the educators answers and the way they faced the learning difficulties. Conclusion: The different sectors still function in disarticulated way, what restricts the reaching power of its action. The construction of partnerships between the different sectors is essential, in order to weave care and protection nets in the attempt of crossing the actions of learning difficulties confrontation, increasing their reach and potentiality
Palavras-chave: Saúde coletiva
Educação
Dificuldades de aprendizagem
Speech therapy
Collective health care
Education
Difficulties of learning
Literacy
Disturbios da aprendizagem
Fonoaudiologia
Letramento
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Zorzi, Daniella Sampaio. As dificuldades de aprendizagem sob a perspectiva da escuta fonoaudiológica e do olhar dos profissionais da educação: construindo possibilidades de intervenção. 2007. 91 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12129
Data de defesa: 26-Oct-2007
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Daniella Sampaio Zorzi.pdf306,75 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.