???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12218
Tipo do documento: Dissertação
Título: Investigação sobre sinais comportamentais dos Transtornos do Déficit de Atenção com Hiperatividade e do Processamento Auditivo
Autor: Reis, Valéria Pinheiro 
Primeiro orientador: Santos, Teresa Maria Momensohn dos
Resumo: Objetivo: Esta pesquisa teve como objetivo verificar se profissionais brasileiros, que trabalham com portadores de Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) e do Transtorno do Processamento Auditivo (TPA) , estabelecem o diagnóstico diferencial entre esses dois transtornos baseados nos sinais comportamentais. Métodos: Participaram deste estudo 42 profissionais (médicos, audiologistas, psicólogos e pedagogos). Todos foram convidados a responder um inventário contendo 58 sinais comportamentais de ambos os transtornos. Eles foram solicitados a classificar os sinais comportamentais em 5 categorias: 1(nunca), 2 (quase nunca), 3(às vezes), 4 (quase sempre) e 5 (sempre). Resultados: Após analisar as respostas apresentadas pelos profissionais, verificamos que alguns sinais comportamentais foram mais freqüentemente citados do que outros. Nós observamos que o valor de moda para estes sinais não foram os mesmos para ambos os transtornos. Nós verificamos que para o TDAH o valor de moda quase sempre e sempre ocorreu para os sintomas: dificuldade em brincar silenciosamente, distraído, desorganizados, desatento, hiperativo, irriquieto, muda de trabalho incompleto para o outro, pouco auto-controle, falta de persistência e apressado ou impulsivo. No TPA o valor de moda foi quase sempre e sempre para os sintomas: déficit na atenção auditiva divida, déficit na atenção auditiva seletiva, dificuldade em seguir instruções orais, habilidade de associação auditiva ruim, dificuldade de ouvir em ambiente ruidoso, déficit na atenção auditiva sustentada, dificuldade em discriminar fala e taxa reduzida de processamento da informação auditiva. Conclusões: Nós concluímos que, baseado nos sinais comportamentais, não foi possível realizar o diagnóstico diferencial. No entanto, observamos que os profissionais acharam alguns sinais comportamentais mais típicos de TDAH e outros mais típicos de TPA
Abstract: Objective: This research has as aim to verify if Brazilian professionals that work with people whit Attention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD) or Auditory Processing Disorder (APD), may estabilish the differential diagnosis between this two diseases based on behavioral signs. Methods: Sample was composed by 42 professionals (physicians, audiologists, psychologists and educators). Ali of them were invented to answer an inventory whit 58 behavioral signs of both diseases. They were asked to classify the signs in 5 categorias: 1 (never), 2 (almost nevar), 3 (sometimes),4 (almost always) and 5 (always). Results:After analyzing the answers presented by the professionals we found that some behavioral signs were more frequently cited than others. We could observe that the moda value for theses signs were not the sarna for both diseases. We found that for ADHD, the moda value for almost always and always happened for: difficulty playing quietly, distracted, disorganized, inattentive, hyperactive, fidge urestless, shifts from one uncompleted task to another, poor self-control, lacks persistence and hasty or impulsiva. For APD the moda value for: auditory divided attention deficit, auditory selective attention deficit, difficulty following instructions given orally, poor auditory association skills, difficulty hearing in background/ambient noise, auditory sustained attention deficit, difficult discriminating speech and reduced rate of auditory information processing. Conclusions:We concluded that based on behavioral signs it is not possible to get a differential diagnosis, but we could observethat professionals think that some behavioral signs were more typical of ADHD and others were more typical for ADP
Palavras-chave: Transtorno de deficit de atencao/hiperatividade
Percepcao auditiva
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Fonoaudiologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia
Citação: Reis, Valéria Pinheiro. Investigação sobre sinais comportamentais dos Transtornos do Déficit de Atenção com Hiperatividade e do Processamento Auditivo. 2004. 82 f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2004.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12218
Data de defesa: 30-Nov-2004
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Valeria Pinheiro Reis.pdf4,12 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.