Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13091
Tipo do documento: Dissertação
Título: Vivência popular na imprensa amazonense: Manaus da borracha (1908-1917)
Autor: Souza, Leno José Barata
Primeiro orientador: Khoury, Yara Maria Aun
Resumo: Entre a última década do século XIX e primeira do seguinte, a cidade de Manaus foi palco de uma série de transformações estruturais e culturais patrocinadas pelos dividendos da exploração do látex, cujo produto final, a borracha, aquela altura, passou a ser altamente requisitada pelas indústrias químicas, elétricas e principalmente automobilísticas européias e norte-americanas. Dentro deste contexto, a capital do Amazonas teve que se adequar a sua nova condição de pólo principal de exportação do cobiçado produto industrial, desencadeando todo um processo de modernização/reordenação dos seus espaços e de civilização de costumes, tudo visando desvencilhá-la de seu aspecto de aldeia mal disfarçada em cidade. Esta dissertação pretende revisitar este momento histórico, tentando se aproximar de uma cidade vivenciada, sobretudo, pelos segmentos sociais entendidos como populares, buscando alguns de seus instantes, capitados principalmente através de um discurso jornalístico, que possam nos sinalizar como estes sujeitos históricos experimentaram e reagiram a esta marcha urbanizadora que se precipitava sobre seus antigos espaços de trabalho, moradia e lazer. Neste sentido, em meio a estas vivências ordinárias , buscamos uma urbe a contra pelo , uma capital que passa bem ao largo da que tradicionalmente, por quase um século, foi delineada por uma pena intelectual compromissada em recuperar aquele instante por um único viés histórico que procurava por em relevo tão somente uma idílica cidade faustica, relegando ao esquecimento ou a banalidade, um montante de contradições sociais e culturais que cotidianamente reanimavam outros diferentes viveres urbanos
Abstract: Between the last decade of the century XIX and first of the following, the city of Manaus staged a series of structural and cultural transformations sponsored by the dividends of the exploitation of the latex, whose final product, the rubber, became highly demanded by the European and North American chemical, electrical and mainly automotive industries. Inside this context, the capital of Amazonas had to be adapted to it's new condition of main pole of the exportation of the so desirable industrial product, unchaining an entire modernization process. It was also necessary to reorder it's spaces and to civilize habits, everything seeking to disentangle it from it's village aspect badly disguised as a city. This dissertation intends to revisit this historical moment, trying to approach to a lived city, above all, for the social segments understood as popular, looking for some of its instants, taken mainly from journalistic speech, that can show us how these historical subjects tried and reacted this urbanizing march that hurried on it's old work spaces, home and leisure. In this sense, amid these ordinary " existences ", we look for a city that does well, in spite of its reversed aspect, next to the one that traditionally, for almost one century, it was delineated by intellectual penalty, compromised in recovering that instant for an only historical inclination that sought to focus an idyllic city, relegating to the forgetfulness or the banality, an amount of social and cultural contradictions that daily revived other different citizens.
Palavras-chave: Amazônia - História
Brasil republicano
Cultura urbana
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL::FUNDAMENTOS DO PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL::HISTORIA URBANA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Citação: Souza, Leno José Barata. Vivência popular na imprensa amazonense: Manaus da borracha (1908-1917). 2005. 367 f. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13091
Data de defesa: 24-Mai-2005
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em História

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Vivencia popular.pdf9,78 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.