???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13919
Tipo do documento: Tese
Título: A construção de representações sobre o trabalho docente: o papel do estágio
Autor: Bueno, Luzia 
Primeiro orientador: Machado, Anna Rachel
Resumo: Esta pesquisa tem como objetivo mais amplo contribuir para uma reflexão sobre o estágio na formação inicial de professores no período de graduação, por meio da análise e da interpretação das representações construídas sobre o trabalho do professor nos textos elaborados para orientar o estagiário em suas tarefas e nos textos produzidos pelos próprios estagiários durante o estágio. Para realizar esse estudo, apoiamo-nos nos pressupostos teóricos do Interacionismo Sociodiscursivo (ISD), que atribui ao agir e à linguagem um papel fundamental no desenvolvimento humano. No ISD, o trabalho é definido como uma forma de agir cujas representações são construídas na linguagem. Dessa forma, o trabalho constitui-se como um dos lugares centrais de desenvolvimento do ser humano na sociedade atual. Sendo assim, ao estudarmos textos que trazem representações sobre o trabalho no estágio, estamos também contribuindo para uma compreensão maior de como se dá esse desenvolvimento humano e profissional durante a graduação. Essa compreensão pode auxiliar tanto os cursos de formação especificamente da área de Letras quanto também todos os outros que se utilizam do estágio e da produção de textos como meios para assegurar um desenvolvimento profissional do estagiário. Com esses objetivos, apresentamos em nosso trabalho: a) uma discussão sobre o estágio e os dispositivos de formação utilizados; b) uma síntese dos pressupostos teóricometodológicos, na qual tratamos do quadro teórico do ISD e dos procedimentos de análise do agir humano representado em textos, além de trazermos também as contribuições das pesquisas recentes que se utilizam das Ciências do Trabalho (Ergonomia da Atividade e Clínica da Atividade) para que se possa construir uma visão mais ampla sobre o trabalho educacional, que vai além de uma relação do professor com um saber e com seus alunos. Na metodologia, apresentamos os nossos dados, que foram coletados em uma Faculdade de Letras, de uma universidade particular do interior de São Paulo, sendo constituídos por um documento de orientação do estágio e dez projetos de estágio produzidos pelos estagiários na disciplina de Estágio Supervisionado em Língua Portuguesa. Como procedimentos de análise, procuramos verificar, em cada texto, o seu contexto de produção mais amplo, passando pelas questões de sua organização interna, dos mecanismos enunciativos e das suas características semânticas na organização e interpretação do agir no trabalho, o que nos permitiu detectar figuras de agir , indicando tanto modos de dizer o agir quanto modos de agir da categoria profissional professor . Com os resultados de nossas análises, pudemos verificar, por meio das figuras do agir construídas, que tanto o documento de orientação do estágio quanto os projetos apresentam uma visão reduzida do que é o trabalho docente e do papel do professor, retratando-o ainda de modo genérico e distanciado da realidade que o estagiário deveria observar em um estágio que se propõe a formar um professor. Notamos ainda que, ao planejar as suas aulas, é essa visão reduzida que o estagiário recupera, esquecendo-se das atividades práticas que realizou no estágio com um professor real e modelando o seu agir apenas a partir de leituras. Dessa forma, constatamos que o modelo de agir do estagiário tem sua origem nos textos teóricos lidos e não nas atividades práticas de que participa. Assim, esses resultados nos obrigam a fazer uma reflexão sobre uma forma de orientação de estágios e de produção de projetos que possa levar o estagiário a conhecer diferentes discursos para que ele se aproprie do debate interpretativo entre posições diversas, a fim de construir a sua própria posição como um profissional
Abstract: This research has as a far-reaching objective to contribute for a reflection about the period of probation on teachers initial formation during the graduation period by means of the analysis and the interpretation from constructed representations about the teacher s work on the texts worked out in detail to orient the probationer in his tasks and texts produced by his own initiative during the probation period. To accomplish this study, we have adopted the theoretical presupposition of the so-called Social-Discursive Interactionism (SDI) (Interacionismo Sóciodiscursivo ISD) that assigned to actions and to the language a fundamental role in the human development. In the SDI, the work is defined as a form of acting whose representations are constructed in the language. In this way, the work consists of one of the central spaces of the human being development in the current society. Thus, when we study texts that bring representations on the probation period work, we are also contributing for a better comprehension dealing with the human and professional development during the graduation. This comprehension can help either the formation courses specifically in a Language Course as well as all the ones that use the probation period and the production of texts as a manner to assure the probationer s professional development. With these objectives, we have presented in our work: a) a discussion about the probation period and the devices of formation used; b) a synthesis of the methodological theoretical presuppositions on which we consider the SDI theoretical chart and the procedures of the human actions analysis represented on the texts besides the contributions of recent researches used in the Work Science (Activity Ergonomics and Activity Clinic) in order to construct a wider vision about the educational work beyond the teacher s relation with the knowledge and his pupils. In the methodology, we have presented the data collected in a Language College from a private University in São Paulo State. They were consisted of a probation period orientation document and ten projects produced by the probationers in a discipline called Supervised Probation Period in Portuguese Language (Estágio Supervisionado em Língua Portuguesa). As analysis procedures, we have looked for verifying in each text its wider production context; internal questions organization, enunciative mechanisms and semantic characteristics in the organization and interpretation of acting in the work. All this have allowed detecting figures of action , indicating either the ways of saying the actions or ways of actions in the teacher professional category. Our analyses results have verified by means of the constructed figures of actions that either the orientation probation period document or the projects have presented a reduced vision concerned to the teacher s work and his role, retracting him as a general manner and distant from the reality in which the probationer should observe in a stage that proposes to form a teacher. We have also noticed that when planning the classes is this reduced vision that the probationer reacquires and forgets the practical activities that he has accomplished in the probation period with a real teacher and modeling his action only from readings. In this way, we have verified that the probationer s actions have the origin in the theoretical read texts and not in the practical activities that he has participated. Thus, these results obliged us to do a reflection about the form of orientation in the probation period and in the projects production that can lead the probationer to know different discourses in order to assume the interpretative debate among various positions to construct his own position as a professional
Palavras-chave: Estágio
Representações
Trabalho docente
Interacionismo sociodiscursivo
Projeto de intervenção
Texto de prescrição
Professores -- Estagios
Professores -- Formacao profissional
Ensino
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA::LINGUISTICA APLICADA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Lingüística
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem
Citação: Bueno, Luzia. A construção de representações sobre o trabalho docente: o papel do estágio. 2007. 220 f. Tese (Doutorado em Lingüística) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13919
Data de defesa: 5-Oct-2007
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luzia Bueno.pdf1,41 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.