???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/14153
Tipo do documento: Dissertação
Título: Elementos motivadores no design instrucional e nas interações verbais em um programa de apropriação do Moodle
Autor: Casarin, Márcia Lygia Ribeiro de Souza 
Primeiro orientador: Machado, Anna Rachel
Resumo: Este trabalho insere-se na área da Linguística Aplicada, linha de pesquisa Linguagem, Educação e Tecnologia e tem com objetivo detectar a presença (ou ausência) de elementos motivacionais no design instrucional e nas interações verbais entre pesquisador e participante docente de um programa de instrumentalização do Moodle. A ênfase na motivação, aplicada ao ensino realizado em contextos virtuais, tem sido dada por vários autores, como Vafa (1999), Figl e Bauer (2008), Kim (2009) e Keller (1983). A seleção de ferramentas adequadas e o preparo dos docentes devem estar combinados para a elaboração de ambientes interessantes que privilegiem aspectos motivacionais que promovam e sustentem o engajamento dos participantes e que favoreçam o processo de apropriação. Nesse programa, a pesquisadora orientou a professora participante em um Moodle especialmente construído para esse fim. A partir do momento em que a participante-docente apresentou autonomia razoável, sua prática realizou-se diretamente no contexto real de aplicação, isto é, na elaboração dos ambientes Moodle que seriam utilizados como apoio às suas aulas presenciais. Os aportes de Keller (1983) subsidiaram a análise do ambiente de orientação e a teoria de Kerbrat-Orecchioni (2006) embasou a análise linguístico-discursiva das interações verbais via e-mail. As idéias de Marcuschi (2002) sobre o discurso eletrônico justificam a escolha dos aportes dessa autora. Como abordagem metodológica geral foi utilizada a pesquisa-ação. Os resultados da análise confirmaram a presença de elementos motivacionais na construção do ambiente de orientação. De acordo com o Modelo ARCS, foram detectados elementos classificados na categoria da atenção, relevância, confiança e satisfação. Além disso, foram detectados elementos motivacionais nas interações verbais entre pesquisador e participante, consubstanciados nas manifestações lingüísticas da polidez, de acordo com a proposta de Kerbrat-Orecchioni (2006). Esses dois conjuntos de elementos motivacionais, a nosso ver, foram decisivos para a apropriação do Moodle pela participante
Abstract: Inserted in the Applied Linguistics area, in the line of Language, Education and Technology research, this work aims to detect the presence (or absence) of motivational elements in the instructional design and in the verbal interactions between researcher and participant-teacher of a Moodle instrumentalization program. Enhancing motivation when teaching in virtual contexts has been emphasized by several authors, such as Vafa (1999), Figl and Bauer (2008), Kim (2009) and Keller (1983). Selection of adequate tools and preparation of instructors must be associated for the elaboration of interesting environments which strengthen motivational aspects that promote and sustain participants engagement and, additionally, favour the appropriation process. In this program, the researcher guided the participant teacher in a Moodle site specially built to this end. From the moment the participant-teacher displayed a reasonable degree of autonomy, her practice was directly carried out in the actual context of application, that is, in the elaboration of Moodle sites to supplement her face to face classes. Keller s (1983) contributions assisted in the analysis of the guidance site and Kerbrat- Orecchioni s (2006) theory was taken as the basis for the linguistic-discursive analysis of the e-mail verbal interactions. Marcushi s (2002) reflections on electronic speech justify the choice of Kerbrat-Orecchioni s (2006) contributions. Action research was chosen as the general methodological approach. The results of the analysis confirmed the presence of motivational elements in the guidance Moodle site. According to ARCS Model, elements classified in the categories of attention, relevance, confidence and satisfaction were detected. Moreover, motivational elements were detected in the verbal interactions between researcher and participant, materialized in linguistic manifestations of politeness, according to Kerbrat-Orecchioni s (2006) proposal. These two sets of motivational elements, in our view, were decisive in the participant s Moodle appropriation
Palavras-chave: Design instrucional
Interação verbal
Moodle
Instructional design
Verbal interaction
Motivation
Ensino auxiliado por computador
Linguagem e linguas -- Estudo e ensino -- Ensino auxiliado por computador
Motivacao na educacao
Software gratuito
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA::LINGUISTICA APLICADA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Lingüística
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem
Citação: Casarin, Márcia Lygia Ribeiro de Souza. Elementos motivadores no design instrucional e nas interações verbais em um programa de apropriação do Moodle. 2010. 155 f. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/14153
Data de defesa: 15-Jun-2010
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Marcia Lygia Ribeiro de Souza Casarin.pdf1,37 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.