Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/14232
Tipo do documento: Tese
Título: Leituras de professores: uma teoria da prática
Autor: Terra, Ernani 
Primeiro orientador: Cintra, Anna Maria Marques
Resumo: Neste trabalho, denominado Leituras de professores: uma teoria da prática, Ernani Terra, sob orientação da Profa. Dra. Anna Maria Marques Cintra, apresenta resultados de pesquisa que investigou hábitos de leituras de professores de língua portuguesa de ensino médio da região metropolitana de São Paulo. O autor estabeleceu como objetivos identificar o que os informantes leem em seu tempo livre e verificar se essas leituras resultam ou não da livre escolha dos docentes. Duas hipóteses nortearam a pesquisa: a) as leituras feitas pelo professor de língua portuguesa em seu tempo livre guardam estreita relação com sua prática docente; b) a autonomia dos professores de língua portuguesa em decidir o que querem ler em seu tempo livre não é plena, pois é determinada por compromissos institucionais. Justifica-se este trabalho pelo fato de o autor não ter encontrado, em bibliotecas de três universidades do estado de São Paulo, pesquisas sobre leituras de professores em seu tempo livre e, especificamente, se são compartilhadas com os alunos; por isso essa pesquisa pode trazer subsídios que podem orientar a ação pedagógica de profissionais ligados ao ensino, particularmente o de leitura. O trabalho desenvolveuse a partir de pesquisa bibliográfica e revisão crítica da literatura concernente à matéria tratada nesta pesquisa, o que serviu de base para a análise e interpretação dos dados gerados por meio de pesquisa quantitativa e qualitativa. A abordagem analítica fundamentou-se em três pilares independentes, mas relacionados pelo tema geral da pesquisa: 1. análise das características e propriedades do tempo livre e das atividades de ócio e lazer; 2. panorama da leitura no Brasil; 3. análise dos modos de agir de professores e suas práticas pedagógicas relativamente à leitura. Os autores que nos deram importantes suportes teóricos foram Theodor Adorno, Joffre Dumazedier e Frederic Munné para o item 1; Laurence Helleweel, Marisa Lajolo, Regina Zilberman e Magda Soares para o item 2; Pierre Bourdieu e Michel de Certeau para o item 3. Os resultados da pesquisa revelaram que, para os professores-informantes, as leituras feitas no tempo em que eles estão liberados do trabalho e dos afazeres domésticos estão ancoradas em sua prática docente e em seu desenvolvimento profissional
Abstract: The work Leituras de professores: uma teoria da prática, by Ernani Terra, under orientation of Prof Dr Anna Maria Marques Cintra, presents the results of the research that has investigated reading habits of High-School Portuguese teachers in the São Paulo metropolitan area. The author s aims are to identify what the informants read in their spare time and whether these readings are of free choice. The research follows two hypotheses: a) teachers spare time readings are strongly related to their professional practice; b) Portuguese language teachers autonomy in deciding what they want to read in their spare time is not complete, since it is determined by institutional needs. The author has not found research on spare time reading by teachers in the libraries of three universities in the state of São Paulo. Nor has he found studies which analyze whether they share these readings with the students. This research might bring subsidies to guide the pedagogical action of teachers, especially with relation to reading. The work was based on bibliographical research and on critical review of literature, which served as a basis for the analysis and interpretation of quantitative and qualitative data. The analysis has been bases upon three independent pillars that are related to the general topic of the research: 1. Analysis if the characteristics of free time and leisure activities; 2. Reading profile in Brazil; 3. Analysis of teacher s practices in relation to reading. Our theoretical support is Theodor Adorno, Joffre Dumazedier and Frederic Munné for item 1; Laurence Helleweel, Marisa Lajolo, Regina Zilberman and Magda Soares for item 2; Pierre Bourdieu and Michel de Certeau for item 3. The study reveals our informants readings during the time they are freed from work and domestic chores are linked to their professional practice and to their professional development
Palavras-chave: Práticas de leitura
Prática docente
Tempo livre
Compartilhamento
Reading practices
Teaching practices
Leisure
Sharing
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LINGUA PORTUGUESA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Língua Portuguesa
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Língua Portuguesa
Citação: Terra, Ernani. Leituras de professores: uma teoria da prática. 2012. 211 f. Tese (Doutorado em Língua Portuguesa) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/14232
Data de defesa: 9-Mai-2012
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Língua Portuguesa

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ERNANI TERRA.pdf1,08 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.