REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/14784
Tipo: Dissertação
Título: Antilira de Augusto de Campos: leituras de invençoes poéticas
Autor(es): Souza, Gilda Sabas de
Primeiro Orientador: Junqueira, Maria Aparecida
Resumo: Esta dissertação trata da experimentação técnica e formal no processo construtivo da poesia de Augusto de Campos. Tem como objetivos: resgatar, das manifestações poéticas contemporâneas, uma reflexão sobre a presença do sujeito poético, assim como apreender, do processo poético experimental desse poeta, uma expressividade subjetiva estruturada, capaz de revelar uma imagem do mundo, uma antilira contemporânea. Para tentar alcançar essas metas, norteou-nos a seguinte indagação: como a questão da subjetividade se presentifica em poemas de Augusto de Campos, já que o eu não está ausente desta poesia. Discutimos a idéia de poesia, enquanto poesia experimental e inventiva, destacando a importância do trabalho com a linguagem que obedece às exigências do rigor, da inovação e da inventividade, visando à construção da forma. Refletimos sobre o conceito de lirismo como atitudes retóricas do processo de estruturação de uma imagem do mundo, como expressão subjetiva que se modifica enquanto processo de linguagem, buscando uma possível conceituação de Antilirismo na poesia de Augusto Campos. Para desenvolver essa proposta, fundamentamo-nos em proposições teórico-críticas de Julio Castañon Guimarães, Gonzalo Aguilar, Eduardo Sterzi, Luiz Costa Lima, Anazildo Vasconcelos da Silva, e do próprio Augusto de Campos. Recorremos ainda a ensaios críticos de poetas como: Ernesto Manuel de Melo e Castro, Décio Pignatari, Haroldo de Campos. Por fim, deste estudo da poesia de Invenção de Augusto de Campos, deduzimos que a presença do sujeito ocorre a partir do processo experimental poético do autor, que implica uma atitude mental de investigação e procura, tanto no âmbito da pesquisa de meios físicos, quanto no âmbito da experimentação formal, e que o poeta, ao experimentar, cria novos procedimentos poéticos que revelam uma imagem renovada do mundo, uma imagem antilírica
Abstract: This dissertation is about the technical and formal experimentation in the constructive process of Augusto de Campos poetry. The objectives are: to rescue, out of the contemporary poetic manifestation, a reflection about the presence of the poetic subject, as well as to learn, from the experimental poetic process of this poet, a structured subjective expressivety, able to reveal an image of the world, a contemporary antilira. Trying to reach out these goals, the following question appeared: how the matter of the subjectivety has its presence in the poems of Augusto de Campos, since the self is not absent of this poetry. We talked over the idea of poetry, while experimental and inventive, pointing out the importance of the work with the language which obey to the demand of strictness, innovation and inventivity, aiming the construction of the form. We consider about the concept of lirism as rhetoric attitude from the process of structuration of an image of the world, as a subjective expression which modifies while a language process, reaching a possible conception of Antilirism in the poetry of Augusto de Campos. To develop this propose, we based on critical-theoric propositions of Julio Castañon Guimarães, Gonzalo Aguilar, Eduardo Sterzi, Luiz Costa Lima, Anazildo Vasconcelos da Silva, and Augusto de Campos himself. We also resorted to critical essays from poets like: Ernesto Manuel de Melo e Castro, Décio Pignatari, Haroldo de Campos. At last, from this study of the poetry of invention of Augusto de Campos, we may say that the presence of the subject occurs from the experimental poetic process of the author which needs a mental attitude of investigation and searching as well as in the matter of physical researches, as well as the formal experimentation, and that the poet, experimenting it all, creates new poetic proceedings which reveal a renewed image of the world, an antiliric image
Palavras-chave: Augusto de Campos
Poesia
Antipoesia
Antilírica
Poetry
Antipoetry
Antiliric
Campos, Augusto de 1931- -- Critica e interpretacao
Poesia concreta brasileira -- Historia e critica
CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LITERATURA BRASILEIRA
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Literatura
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária
Citação: Souza, Gilda Sabas de. Antilira de Augusto de Campos: leituras de invençoes poéticas. 2006. 111 f. Dissertação (Mestrado em Literatura) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/14784
Data do documento: 29-Mai-2006
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao Gilda Sabas de Souza.pdf2,11 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.