???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15172
Tipo do documento: Tese
Título: Sagradas torres: a reinvenção de si no cinema vivo
Autor: Ferreira, Luiza Helena Guimarães 
Primeiro orientador: Rolnik, Suely Belinha
Resumo: Esta tese implicou a construção de um dispositivo de arte e tecnologias que promove efeitos na subjetividade do espectador, uma relação entre interfaces que inclui o corpo de quem performatiza dentro das linhas de força da instalação. Uma forma de cinema expandido, Live Cinema, que vem se desenvolvendo na contemporaneidade. Com a criação deste dispositivo, intitulado de Sagradas Torres, a investigação de tese de Luiza Helena Guimarães Ferreira, enriqueceu-se e ganhou novos contornos. Nas tensões entre os corpos, entre peles da culturais, a tese, Sagradas Torres: A reinvenção de si no cinema vivo, diz respeito aos desenvolvimentos práticos, suas implicações teóricas e metodológicas. Sagradas Torres trata da possibilidade de reinvenções de si por meio da invenção de narrativas audiovisuais não lineares e na temporalidade do acontecimento, ou seja, de um acoplamento em tempo real entre máquinas técnicas, corpo e subjetividade que coloca esta pesquisa na fronteira entre os campos da Comunicação, da Arte e da Psicologia. Durante o percurso de desenvolvimentos do projeto, além do apoio por parte da orientadora, Suely Rolnik, e do co-orientador, Antoni Mercader, somou-se o do Hangar-BCN, um laboratório de produção em arte e tecnologias, assim como, o das instituições que o receberam, LMI e UB. Sagradas Torres, assim, ocupa o centro nervoso da tese. Foi montado e exposto no Hangar, estrategicamente, em 11 de setembro de 2012. Dele resultou um audiovisial1 que dá uma ideia de sua montagem e poética. Antes desta data, teve uma performance na Puerta de Sol em Madri, Tertúlia Indignados, que resultou na produção outro audiovisual, Tertúlia Indígnats. Eles foram importantes para as discussões e desenvolvimentos da tese. São ações em arte que, como veremos, possuem seus entrelaçamentos, contradições e tensões. Em especial, a contribuição de Sagradas Torres para a tese tenta responder à necessidade de problematizar a tendência dominante nas práticas artísticas que se utilizam das novas tecnologias para promover a participação do espectador, mas que se reduzem frequentemente a meros exercícios de entretenimento que contribuem para manter recalcada sua potencia de criação, ao invés de ativá-la, contribuindo assim para a reprodução da política dominante de subjetivação
Abstract: This thesis involves the creation of an art and technology device that promotes effects in the spectator's subjetivity and establishes a relation between interfaces. Such interfaces include the body that makes the performance to the force lines of the instalation. It's a form of Live Cinema developed nowadays. Luiza Helena Guimarães Ferreira's thesis research enriched and gained new contours with this device's creation. The tensions between the bodies, the cultural skins, this work, Sagradas Torres: A reinvenção de si no cinema vivo, shows the development of this device and its theoretical, practical and methodological implications. It's about the possibility of reinvention of yourself in the happening temporality through the invention of non-linear audiovisual narratives. This means the coupling between machines, body and subjectivity in real time, that locates this research in the border between Art, Psychology and Communication fields. The Hagar-BCN (art and technology laboratory) provided support to the project's development, in addiction to the adviser Suely Rolnik and the co-advisor Antoni Mercader. Some other institutes also helped, such as LMI and UB. Sagradas Torres is the thesis' nervous core. It was assembled and exposed in the Hangar, not for a coincidence, on September 9th, 2012. This exhibition resulted in a film2. Also, the author had performed Tertulia Indignados at Puerta de Sol, Madrid, which also resulted in a film (Tertulia Indignats). Both were important to discussions brought by this thesis. The contribution of this device to this thesis is undeniably, because it answers the need of problematizing the dominant trend of artistic ways which use new technologies to promote the spectator's interaction, but are, frequently, just entertainment exercises. They contribute to reduce your creation capability, instead of active it, allowing the dominant political reproduction of subjectivity
Palavras-chave: Subjetividade
Cinema expandido
Narrativa
Jogos desejantes
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Ferreira, Luiza Helena Guimarães. Sagradas torres: a reinvenção de si no cinema vivo. 2012. 121 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15172
Data de defesa: 9-Aug-2012
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luiza Helena Guimaraes Ferreira.pdf6,7 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.