???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15902
Tipo do documento: Tese
Título: Uma clínica para respirar
Autor: Lopérgolo, Ana Cristina Delgado 
Primeiro orientador: Orlandi, Luiz Benedicto Lacerda
Resumo: Essa tese de doutorado constitui-se num traçado de possibilidades práticas no trato de uma problemática dos encontros de um psi envolvido com determinadas variedades de iniciativas terapêuticas. Inspirada em uma dessas iniciativas - o trabalho com os bebês e seus pais desenvolvido no Ambulatório do Peri-Peri - essa tese utilizou-se da gravidez como metáfora para a construção dos seus capítulos. No capítulo intitulado A Pré- História da Tese , faz um recorte do percurso profissional da autora, anterior à sua inserção no Ambulatório de Especialidades do Jardim Peri-Peri, apresentando um certo esquema, uma certa referência que a constitui enquanto terapeuta. Na Parte 1, ou O Primeiro Trimestre , a partir da inserção da autora na equipe de saúde mental infantil do ambulatório, a tese se propõe a mapear a constituição dessa clínica, tanto pelo viés da psiquiatria infantil, quanto pelas contribuições da psicanálise e, ainda, abordar algumas questões colocadas por essa clínica na atualidade. Na Parte 2, ou O Segundo Trimestre , a tese explora o trabalho realizado na equipe de bebês, mapeia algumas estratégias de intervenções possíveis, tanto na escuta do sofrimento de alguém tão pequeno o bebê , quanto no acolhimento do sofrimento de seus pais e também da equipe. Também são apresentadas algumas das iniciativas terapêuticas que envolveram esse psi . Iniciativas, essas, caudatárias de uma posição clínico-política, que investe na clínica como ocasião de produzir mudanças, produzir resistência aos processos de massacre das subjetividades e incitar diferenças. O Terceiro Trimestre , do ponto de vista de uma gravidez, é considerado como aquele em que o bebê é viável; é nesse capítulo que a autora tece as Considerações Finais da tese, ressaltando o caráter interminável da formação psi , pela indissociabilidade que há entre a teoria e a prática. A tese nasceu !
Abstract: The present thesis has constituted itself from the survey of many practical possibilities in the dealings with a particular set of issues raised from the encounters of a psy as related to certain varieties of therapeutic initiatives. Under the inspiration of one of such initiatives the work carried out at the Peri-Peri Local Psychology Care Unit with babies and their parents this report´s chapters are structured using pregnancy as a metaphor. In the chapter named The Thesis Pre-history , there is a report about the author´s beginning professional path, before she started at the Ambulatório de Especialidades do Jardim Peri-Peri, when a certain design, a certain reference had constituted her as a therapist. In Part 1, or The First Trimester referring to the period when the author´s had already joined the Unit s children´s mental health care team the thesis maps the constitution of such clinical practice, from the viewpoint of both children psychiatry and psychoanalysis, and, still, it tries and approaches some issues as posed by this same practice at present. In Part 2, or The Second Trimester , the thesis explores the work carried out with the team in charge with the babies; maps some of the possible intervention strategies, charged with the effort of hearing the sufferings of such young patients the babies as well as the dealings with the sufferings of both parents and members of the rest of the team. Some therapeutic initiatives in which this psy took part are discussed. Such initiatives are based on a clinical practice which is politically prone to view the care unit in such a way so as to incite changes, resist to the processes which oppress subjectivities and to promote differences. After the third trimester, a baby is ready to be born. It is in The Third Trimester , that the Final Considerations are presented, stressing that the preparing of a psy is a never ending process, because of the impossibility of dissociation between practice and theory. The thesis is born !
Palavras-chave: Saúde mental da infância
Clínica com bebês
Children mental health
Infant clinical care
Psychoanalysis
Subjectivity
Ambulatorio de Especialidades Jardim Peri Peri (Sao Paulo, SP)
Psicanalise infantil
Saude mental infantil
Subjetividade
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Lopérgolo, Ana Cristina Delgado. Uma clínica para respirar. 2009. 128 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15902
Data de defesa: 18-Dec-2009
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ana Cristina Delgado Lopergolo.pdf3,38 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.