???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16586
Tipo do documento: Tese
Título: A contribuição do Behaviorismo Radical para a formação de professores- Uma análise a partir das dissertações e teses no período de 1970 a 2002
Título(s) alternativo(s): Contribution of Radical Behaviorism in the formation of teachers An analysis from dissertations and thesis from the 1970-2002 period
Autor: Rodrigues, Maria Ester
Primeiro orientador: Moroz, Melania
Resumo: O trabalho analisa a contribuição do Behaviorismo Radical para a formação de professores, a partir de teses e dissertações no período de 1970 a 2002, período inicial de 32 anos de existência da pós-graduação strictu sensu brasileira. Dada a relativa escassez de estudos históricos e descritivos acerca da produção em análise do comportamento e educação no Brasil e o desconhecimento geralmente acompanhado de equívocos generalizados sobre a Análise do Comportamento/Behaviorismo Radical (AC/BR) nos cursos e textos que se dedicam à formação de professores, justifica-se o estudo realizado. Foram verificados 10.174 títulos e resumos de trabalhos defendidos em programas de pós-graduação strictu sensu brasileiros, em 13 instituições em que havia possibilidade de localizar produção em AC/BR (de um total de 106 programas de pós-graduação em psicologia e em educação). Deste universo foram encontrados 282 trabalhos no total, correspondendo a 2,77% da produção de teses e dissertações nos programas analisados. Dos 282 trabalhos, foram lidos os resumos de 265 (voltados à educação em geral), neles focalizando alguns aspectos (local e instituição de defesa, orientadores e produtividade das instituições). Os dezessete trabalhos restantes foram voltados especificamente à formação de professores (0,16% do total). Estes foram analisados na íntegra, de acordo com categorias construídas a partir de sugestões fornecidas por, basicamente, três autores (BIJOU, 1970; ZANOTTO, 1997 e GIOIA, 2001), afinados com a proposta Skinneriana. Além de analisar as características gerais foram focalizados aspectos relativos à Filosofia, Conceitos básicos e Pesquisa da análise do comportamento, bem como ao Ensino propriamente dito. Dentre os resultados, encontramos que os autores justificam a realização dos trabalhos pela necessidade de superação de despreparo e ausência de formação específica dos professores no exercício de funções educacionais. Os trabalhos tiveram predominância de delineamento experimental e misto, sendo que o número de professores e alunos envolvidos nos estudos pode ser considerado reduzido (aproximadamente 85 professores e 1.800 alunos), como decorrência do pequeno número de trabalhos encontrados ao longo do período de 32 anos de análise. Os autores dedicaram-se predominantemente às séries iniciais do ensino fundamental, seguindo-se a educação básica/infantil e a educação especial, concentrando pouco interesse em ensino superior, médio e na segunda etapa do ensino fundamental. O conteúdo de maior destaque é o ensino propriamente dito, especialmente o papel autônomo do professor no planejamento e execução de planos de ensino, considerando para quem ensina a partir de avaliação do repertório inicial dos alunos, o quê ensina ou estabelecimento de objetivos e como ensina , especificamente algumas de suas subcategorias, como: utilização correta e efetiva de reforçadores; promoção e manutenção da generalização do comportamento após a instalação; respeito ao ritmo do aluno e individualização do ensino; observação e manutenção de registros sobre o comportamento dos alunos; gradação dos conteúdos e da dificuldade; propor e utilizar estratégias e procedimentos de ensino. A ênfase ao como ensinar e à necessidade do professor ser ensinado a ensinar aparece como grande contribuição dos trabalhos analisados, sem se confundir com fornecimento de receituário . A partir dos resultados sugere-se pontos que mereceriam ser alvo de reflexão e de maior atenção por parte dos analistas do comportamento, como o ensino de aspectos filosóficos/conceituais, concepções de conhecimento, de ensino-aprendizagem, entre outros. Os resultados sugerem, ainda, a necessidade de realização de estudos históricos questionando a relação entre AC/BR e tecnicismo , relação esta declarada pela literatura da educação brasileira, uma vez que há dados no presente trabalho que se contrapõem a esta asserção (baixa utilização de tecnologia educacional). Sugere-se, ainda, que a comunidade reflita sobre as práticas de inserção da AC/BR na educação e no contato com os professores, de modo a derivar propostas para superar os equívocos generalizados sobre a abordagem e a rejeição a priori com que a AC/BR é recebida no meio educacional
Abstract: This research aims at analyzing the contribution of Radical Behaviorism on formation, taking into account thesis and dissertations from 1970 to 2002, which means the thirty-two years of existence of the Brazilian masters strictu sensus course. Due to the lack of records and descriptive studies concerning the analysis of behavior and education in Brazil, as well as the widespread misunderstandings of Behavior Analysis/ Radical Behaviorism (BA/RB) on courses and books devoted to formation, the present research is justified. There was an evaluation of 10.174 abstracts concerning thesis and dissertations presented to Brazilian Post-Graduation strictu sensu Programs, from a total of thirteen institutions where there was the chance to find these works on BA/RB. Observing this kind of work, 282 researches corresponding to 2.77% of published thesis and dissertations from the analyzed programs were found. Seventeen of them were specifically referred to formation (0.16%). From the 282 ones, 265 abstracts were read since they were focused on general education, and also some aspects as place, responsible institution for the research, advisors and institutions productivity. The seventeen researches remaining are specifically about formation, which were analyzed according to the categories built from suggestions supplied by, basically, three authors (Bijou, 1970; Zanotto, 1997 and Gioia, 2001), in agreement with Skinner s proposal. Besides analyzing the general features, aspects about philosophy, basic concepts and researches of behavior analysis were also highlighted as well as teaching itself. Among these results, we found out that authors justify their researches since there is a need to overcome this lack on formation regarding formation and educational role. The researches were carried out through an experimental and mixed outline, but the number of teachers and students involved in the study may be considered significant (nearly 85 teachers and 1.800 students), as a consequence of the small number of researches found along this thirty-two year period of analysis. The authors dedicated themselves mainly to the first years from the elementary school, followed by kinder garden/children s education and special education, but the works focused on second part from elementary school, high school and college courses were less significant. It is important to stand out that the most important content was teaching, especially the teacher's autonomy on planning and executing their teaching activities, regarding to whom he teaches also observing the students ' first repertory; what he teaches or the establishment of his goals; how he teaches regarding some of its subdivisions, as the correct and effective uses of supplements; promotion and maintenance of behavior generalization after its installation; respect to the student's pace, and individualization of teaching; observation and holding of records about the students' behavior; the ranking of contents and their difficulties on suggesting or using strategies and teaching procedures. The emphasis on how to teach as well as on teaching the teacher how to teach appears to be a great contribution from the analyzed researches, but this can not be regarded as a recipe . Other points are suggested from these results, as an important aspect to think about; they also need more attention from the behavior analysts. An example can be the philosophical/conceptual teaching aspects, knowledge conceptions, teaching-learning, among others. The results also suggest the need of historical studies questioning the relationship between BA/RB and technicism which was declared by Brazilian education literature, once this research present information that is opposite to this assertion (reduced utilization of educational technology). These answers also suggested that community should reflect on insertion of BA/RB practices on education and on a closer contact with teachers, in order to give proposals to overcome those misunderstandings regarding the approach and the rejection to BA/RB received in the educational class
Palavras-chave: behaviorismo radical
Radical Behaviorism
Behavior Analysis
Education
Behaviorismo (Psicologia)
Análise do comportamento
Professores - Formação profissional
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Psicologia da Educação
Citação: Rodrigues, Maria Ester. Contribution of Radical Behaviorism in the formation of teachers An analysis from dissertations and thesis from the 1970-2002 period. 2005. 788 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16586
Data de defesa: 4-Jul-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Psicologia da Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Maria Ester Rodrigues.pdf5,36 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.