???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16983
Tipo do documento: Tese
Título: A saúde na perspectiva ético-política: pesquisa ação participante na Comuna da Terra Irmã Alberta do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST)
Título(s) alternativo(s): Health in an ethical and political perspective: A participatory action research method at the Irmã Alberta Commune of the Earth of the Movement of the Landless Rural Workers (MST)
Autor: Souza, Ana Silvia Ariza de 
Primeiro orientador: Sawaia, Bader Burihan
Resumo: Esta tese é uma pesquisa ação participante (PAP) realizada com o Setor de Saúde do MST nos anos de 2008 a 2011. Durante o seu processo de realização, teve o objetivo de transformar a ação desenvolvida em PAP segundo o referencial da psicologia sócio-histórica que é de base materialista e dialética para melhor orientar as ações, à luz dos conhecimentos extraídos na relação e da mediação teórica, na direção do objetivo do Movimento de potencializar a capacidade de ação política. A concepção de saúde que orienta é a defendida por Sawaia que entende saúde como uma totalidade, na confluência entre a dimensão material, política, biológica e ética, pois é da ordem da potência de vida. Foi eleito como foco de pesquisa as afecções sofridas (experiência de viver na Comuna da Terra Irmã Alberta, local em que foi realizada a pesquisa) para refletir sobre a dialética entre potência de vida e emancipação e sofrimento ético-político, potência de padecimento e servidão. Ou seja, compreender as forças que abrem caminho para a saúde ético-política ou ainda a capacidade de existir em ato e a compreensão do que inibe essa potência no processo de construção da Comuna Irmã Alberta. Para compreender a dinâmica da afetividade e sua imbricação no processo saúde-doença, baseamo-nos na perspectiva sócio-histórica de Vygotsky, na filosofia de Espinosa e nas reflexões realizadas no Núcleo de Estudos Psicossociais da Dialética Inclusão Exclusão Social (NEXIN). Foram realizadas 49 entrevistas individuais, além de utilizados relatórios e diário de campo para encontrar o subtexto dos discursos. As unidades de significado encontradas foram: trabalho, terra, estudo/formação, organização comunitária e ações políticas, incluindo o atendimento à saúde para ampliar a compreensão. Concluímos que embora vivam precariedade e problemas de saúde decorrentes da não regularização da terra com ausência de recursos e políticas públicas de saúde bem como de reforma agrária por parte do Estado; as conquistas e capacidade de enfrentar as dificuldades os potencializa a ser e existir em ato, promovendo a transformação de si e da sociedade, tendo as ações políticas, especialmente as ocupações, papel potencializador nesse contexto
Abstract: This study is a participatory action research (PAR) approach conducted with the Health Sector of the Movement of the Landless Rural Workers, known by its Portuguese acronym MST, from 2008 to 2011. During the process, this study aimed to transform the action developed through the PAR, according to the materialist and dialectical reference basis of the social-historical psychology, to better orient the actions in the light of the knowledge learnt from the relation and theoretical mediation toward the Movement objective for enhancing political action capability.The orienting conception of health is as proposed by Sawaia, which understands health as a whole, on the confluence of material, political, biological and ethical dimensions, when referring to the order of life power. Conditions experienced there (when living at the Irmã Alberta Commune of the Earth, where this study was conducted) were chosen as focus for this study reflecting the dialectic between life power and emancipation and ethical-political suffering, consequences and bondage power. In other words, the aim was to understand the forces, which prepare the grounds for the ethical and political health condition, or the possibility of existing in act and the assessment of what inhibits this power in the construction process of Irmã Alberta Commune. To assess the affectivity dynamics and its interconnection in the health-disease process, having as basis the social-historical perspective of Vygostky, the philosophy of Espinosa and the considerations of discussions carried out on the Nucleus on the Psychosocial Study of Social Inclusion Exclusion Dialectics (NEXIN).The study counted on forty nine individual interviews as well as reports and a field diary drawn up to find its language subtext. The meaning units found were: work, land, study/education, communitarian organization and political actions. Although living under precarious conditions, with health problems as a consequence of the nonregulation of land ownership, and the lack of governmental resources and public policies for health as well as for land reform, we could observe achievements and capabilities to face difficulties encouraging them to be and exist, in act, and promoting their own transformation as well as of the society, with political actions playing an enhancing role in this context, especially in what concerns land occupations
Palavras-chave: Psicologia social e sócio histórica
Pesquisa ação participante
Saúde na perspectiva ético-política
MST
Social and social-historical psychology
Participatory action research
Health in an ethical and political perspective
MST
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Citação: Souza, Ana Silvia Ariza de. Health in an ethical and political perspective: A participatory action research method at the Irmã Alberta Commune of the Earth of the Movement of the Landless Rural Workers (MST). 2012. 342 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16983
Data de defesa: 8-Aug-2012
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ana Silvia Ariza de Souza.pdf2,27 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.