???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17013
Tipo do documento: Dissertação
Título: Emprego apoiado: uma análise psicossocial da inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho
Autor: Matos, Naiara Roberta Vicente de 
Primeiro orientador: Sawaia, Bader Burihan
Resumo: Esta pesquisa visa analisar na perspectiva da psicologia sócio-histórica a dimensão subjetiva do processo dialético de inclusão/exclusão no trabalho (com e sem apoio) das pessoas com deficiência intelectual para refletir sobre a educação profissional e a proposta de Emprego Apoiado. Trata-se de situar historicamente as pessoas com deficiência, buscando entender quais são as mediações presentes e compreendermos como é vivida subjetivamente a Lei de Cotas na vida dessas pessoas para orientar as práticas de formação e preparação ao trabalho que lhes são oferecidas. Para tanto, recorre aos conceitos de sofrimento ético-político, sentido e significado, estima social, identidade e preconceito para analisar a vivencia da busca por um trabalho, e de se tornar trabalhador nas condições de trabalho oferecidas pela Cota, tendo como pano de fundo a condição sócio-histórica desfavorável à inclusão oferecidas a esses sujeitos e os projetos de preparação para o trabalho que lhes são oferecidos. O método de investigação utilizado está embasado na concepção vygotskiana que considera ação, trabalho e afeto como unidades indissociáveis da subjetividade, amparada na filosofia de Espinosa e na teoria marxista de sociedade. Os resultados obtidos atestam a defasagem entre reconhecimento jurídico e social, pela ausência de estima social, pelo preconceito, pelos modelos de identidade pressupostas, desamparo e solidão a que são relegados, condição social vivida como sentimentos tristes de medo, humilhação, raiva comprometendo a potência de ação desses sujeitos O sentido de trabalho é ambíguo: ele é a única possibilidade de estima e reconhecimento, mais do que a possibilidade de adquirir bens, mas é também fonte de paixões tristes, especialmente o medo constante de errar e, assim perder o emprego. Clamam por preparação ao trabalho e apoio afetivo que eles encontraram no preparador laboral que os acompanhou por um tempo, ao qual enviaram cartas expressando seus sentimentos e necessidades. Ressalta-se a importância do ―Emprego Apoiado‖, onde o profissional desempenha o papel de mediador do cumprimento efetivo da lei de cotas, no plano de desenvolvimento de habilidades e da referência afetiva
Abstract: This research aims to analyze, based on the Social Historical Psychology, the subjective dimension of the dialectic process concern on inclusion/exclusion at work (with and without support) from people with intellectual deficiency as a way to reflect about professional education and supported work proposal. It is about to locate how the people with deficiency are situated historically, trying to understand which are the mediations and comprehend how is subjective lived the Cotes Law in the life of those people, and how this law work to orient the formation practices and job preparation that are offer to them. To do that, we will use the concepts of ethical-politic suffering, sense and meaning, social stigma, identity and preconception to analyze the living of looking for a job, and to became a worker with proper job preparation according to the conditions offers in the Cote, having as a background the social-historical condition unfavorable to inclusion to those people and the preparation project to the work that is given to them. The investigation method is based on Vygotsky s work that consider action, work and affect as in dissociable units of subjectivity, with the support of Spinoza philosophy and Marx s theory of society. The results pointed out a lag between juridical and social recognize, through the absence of social stigma, by preconception, by identity models presupposed, abandon and loneness, social conditions lived with sad felling, such as fear, humiliation, angry compromising the action potency of those people. The sense of work is ambiguous: it is only way to get self-esteem and recognition, (moreover than acquire deeds), however it is also fountain of sad passions, especially the constant fear of making a mistake, which will cost their job. It clams for work preparation and affective support, which those people encounter in their labor professor that accomplish them for a while, and to whom they send letters, expressing their feelings and needs. It is pointed out the importance of ―supported employment‖, where the professional act as a mediator to the effective of cotes law, at the development of abilities and as a affective reference
Palavras-chave: Emprego apoiado
Lei de cotas
Inclusão no trabalho
Deficiência intelectual
Reconhecimento perverso
Sofrimento ético-político
Supported employment
Cotes law
Work inclusion
Intellectual deficiency
Perverse recognition
Ethical- political suffering
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Citação: Matos, Naiara Roberta Vicente de. Emprego apoiado: uma análise psicossocial da inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho. 2013. 116 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17013
Data de defesa: 14-Jun-2013
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Naiara Roberta Vicente de Matos.pdf602,37 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.