Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/1888
Tipo do documento: Dissertação
Título: O espaço sagrado e o religioso na obra de claudio Pastro
Autor: Sartorelli, Cesar Augusto
Primeiro orientador: Cruz, Eduardo Rodrigues da
Resumo: Este trabalho em ciências da religião trata de arte e arquitetura, num campo especializado de ambas, que é a construção de espaços religiosos e a arte que nele se insere, abrangendo pintura, escultura, e o design de peças e mobiliário de seu interior. Mais especificamente estaremos tratando de arte e arquitetura sacras cristãs, contemporâneas, através da obra do artista sacro e arquiteto vernacular Claudio Pastro. A análise se inicia através de sua biografia e desenvolvimento de processo de trabalho, como artista plástico, gráfico, arquiteto vernacular e estudioso de arte sacra e espaço litúrgico. A seguir suas concepções, que colocam uma diferenciação entre arte sacra e arte religiosa, serão explicadas e discutidas, observadas através da fenomenologia de Mircea Eliade e Rudolf Otto. No âmbito da Teologia da Arte também exporemos o pensamento de Romano Guardini, citado como fonte dos conceitos de Claudio Pastro sobre sagrado e religioso. No terceiro capítulo fazemos um breve histórico da história da arte e arquitetura sacras, sobre o qual se apoia seu trabalho, acrescido de um estudo comparativo de sua concepção de arquitetura em relação ao projeto moderno , e com as vanguardas artísticas em artes plásticas. Comentamos também alguns projetos de arquitetos brasileiros que o influenciaram e que admira. De dentro da Igreja trataremos do Concílio Vaticano II e suas propostas de renovação litúrgica, que implicaram em renovações na arte e arquitetura sacras, a qual se filia Claudio Pastro. Encerramos com a análise e crítica de nove projetos de capelas e igrejas por ele realizados. Na conclusão situamos a repercussão de seus trabalhos e seu papel dentro da arte e arquitetura sacras católicas brasileiras, na prática, assim como a pertinência e limites de suas concepções e conceitos. No questionamento destes conceitos e concepções situamos questões em aberto, pertinentes à relação entre arte e religião, arte e o sagrado.
Abstract: Overall this sciences of religions essay is about architecture and art, but mainly its object is to treat specifically the fields wich refer to both the construction of religious spaces, and the hole art contained inside them and rised from them as well. These fields encircle painting, sculpture and, in addition, furniture and special pieces designed for the indoor spaces. More specifically, this essay also builts and reports its reflections based on the contemporary christian artwork and architectural spaces, produced and projected by artist and vernacular architect Claudio Pastro. The analysis in this essay approaches Pastro's biography through his unique process of working and criating, as a painter, pictorial artist, architect and sacred art expert. The second chapter explores Pastro's conceptions between sacred art and religious art, which are indeed different: each conception is clearly refeared, explained, discussed, compared to the other ones, and looked over through the eyes of Mircea Eliade's and Rudolf Otto's fenomenology. Still in the field of the Teology of the Art, the thinking of Romano Guardini about the sacred and the religious is also shown. In the third chapter we have a timeline brief of the history of art and sacred architecture, the bases of Pastro's work; then, a comparative study between his conception about the modern project related to the architecture and the vanguard arts. We also comment some brazilian architects projects, wich he admire and influenced him. Furthermore we comment the II Council of the Vatican and its propositions of liturgical renewal, wich led to the renew of sacred architeture and art, home of Pastro's realm of inspiration and concepts. We end with the analysis and critical reviewing of nine of his chapels and churches already built. In the conclusion, we comment the repercussion of Claudio Pastro's works, and the importance of his figure within the brazilian artistic and architectural panorama, as well as the concerns and limits of his concepts. Alongside with these questions, we leave to open minds some other further questions to be treated, about the relationships between art and religion, and art and the sacred.
Palavras-chave: Arte
Arte sacra - Brasil
arte religiosa
arquitetura
arquitetura sacra
Arquitetura religiosa - Brasil - Século 20
Pastro, Claudio, 1948- - Crítica e interpretação
ícone
iconografia
projeto moderno
vanguardas artísticas
arquitetura românica
Romano Guardini
Rudolf Otto
Mircea Eliade
Roy Rapapport
Lina Bo Bardi
Matisse
beneditinos
Beuron
afresco
Art
Sacred art
Architecture
religious art
religious architecture
Sacred architecture
Claudio Pastro
icon
iconography
modern architecture
Bauhaus
artistic vanguard
romanic architecture
Romano Guardini
Rudolf Otto
Mircea Eliade
Roy Rapapport
Lina Bo Bardi
Matisse
benedictines
Beuron
fresco
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO::FUNDAMENTOS DE ARQUITETURA E URBANISMO::HISTORIA DA ARQUITETURA E URBANISMO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Ciências da Religião
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciência da Religião
Citação: Sartorelli, Cesar Augusto. O espaço sagrado e o religioso na obra de claudio Pastro. 2005. 174 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Religião) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/1888
Data de defesa: 25-Nov-2005
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciência da Religião

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CesarSartorelli.pdf80,77 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.