???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/2016
Tipo do documento: Tese
Título: Angústia e conhecimento: uma reflexão a partir dos pensadores religiosos Franz Rosenzweig, Sören Aabye Kierkegaard, e Qohélet
Autor: Guarnieri, Maria Cristina Mariante
Primeiro orientador: Ponde, Luiz Felipe
Resumo: Essa tese estuda a angústia como conceito filosófico religioso ao lado da importância do pensador religioso como método de compreensão da religião. Para isso, toma como objeto os pensadores religiosos Franz Rosenzweig, Sören A. Kierkegaard e o sábio Qohelet, do Antigo Testamento, cujas reflexões indicam a presença da angústia. A hipótese que norteia este trabalho é que, nesses pensadores, esta presença, devido à relação com o transcendente, manifesta-se como tensão conceitual produtora de conhecimento. Face a essa hipótese, a intenção é discutir a possibilidade de construção do conhecimento a partir da própria religião. A angústia, então, é o afeto que, nestes autores, indica uma tensão entre a imanência e transcendência, entre a constatação da finitude humana e a possibilidade infinita, entre a falta de sentido absoluta e a constatação da multiplicidade de sentidos. Uma agonia produtiva que serve de árdua tarefa na busca do conhecimento. Priorizando a subjetividade e a concretude da existência, os autores aqui trabalhados se esforçam para compreender o humano que é único em seu sofrimento. A angústia como chave de pensamento sobre a condição humana nasce da percepção da própria aporia, descoberta a partir da indagação primeira sobre o sentido da vida
Abstract: This thesis studies angst as a religious philosophical concept beside the importance of the religious thinker as a comprehension method for religion. Regarding this, it takes as object the religious thinkers Franz Rosenzweig, Sören A. Kierkegaard and the wise man Qohelet, of the Old Testament, whose reflections indicate the presence of angst. The hypothesis that guides this work is that, in these thinkers, this presence, due to the relationship with the transcendent, manifests itself as conceptual tension which produces knowledge. In view of this hypothesis, the intention is to discuss the possibility of building knowledge from religion itself. Angst, then, is the affection that, in these authors, indicates a tension between immanence and transcendence, realizing the human finitude and the infinite possibility, the absolute lack of meaning and the establishment of a multiplicity of meanings. It is a productive agony that serves as hard task in the search for knowledge. Giving priority to the subjectivity and the concreteness of the existence, the authors here worked make an effort to understand the human being, unique is his or her suffering. The angst as key for thinking about the human condition is born from the perception of its own aporia, discovery starting from the first inquiry about the meaning of life
Palavras-chave: Angústia
Angst
Rosenzweig, Franz -- 1886-1929 -- Critica e interpretacao
Kierkegaard, Soren -- 1813-1855 -- Critica e interpretacao
Biblia -- A. T -- Eclesiastes -- Critica e interpretacao
Angustia
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::TEOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Ciências da Religião
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciência da Religião
Citação: Guarnieri, Maria Cristina Mariante. Angústia e conhecimento: uma reflexão a partir dos pensadores religiosos Franz Rosenzweig, Sören Aabye Kierkegaard, e Qohélet. 2006. 301 f. Tese (Doutorado em Ciências da Religião) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/2016
Data de defesa: 12-Dec-2006
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciência da Religião

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria Cristina Mariante Guarnieri.pdf1,23 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.