???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/20525
Tipo do documento: Tese
Título: A constituição do ethos do idoso no Facebook: argumentação e retórica
Autor: Costa, Sílvia Scola da 
Primeiro orientador: Ferreira, Luiz Antônio
Resumo: Esta tese, inserida na linha de pesquisa Leitura, Escrita e Ensino de Língua Portuguesa, do Programa de Estudos Pós-Graduados em Língua Portuguesa da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, tem como tema o estudo da construção do ethos dos idosos no Facebook. Ao se colocar na rede social digital, o escrevente assume a autoria do que escreve: se escreve de si, se utiliza a multimodalidade para tal, é autor e personagem. O que se coloca em rede não precisa ser a “verdade”, porém precisa ser verossímil e, nesse sentido, persuasivo. A linguagem, por outro lado, traduz o homem e revela, objetivamente ou de modo menos explícito, o caráter possível de ser averiguado pelo desvendar dos artifícios retóricos utilizados no revelar-se. Para que isso fosse possível colhemos trinta e seis perfis de idosos na página e analisamos a manifestação retórica de traços de constituição do caráter em consonância com os estudos de Aristóteles sobre as paixões e sobre caráter manifestado por jovens, adultos e velhos de seu tempo. Colhemos também vinte perfis de jovens e vinte perfis de adultos para que pudéssemos realizar uma análise comparativa e entender se a forma discursiva de manifestação do caráter que Aristóteles pregou há mais de dois mil anos mantém-se, em menor ou maior grau, vigente na realidade virtual vivenciada hoje, tanto pelos nativos, quanto pelos imigrantes digitais. Com o auxílio dos modernos estudos da Retórica, entendemos que, na interação verbal por meio do Facebook, ethos, pathos e logos se entremeiam para um único propósito discursivo: conquistar a adesão do outro, seja pelo julgamento, pela deliberação ou por simples deleite. Desse modo, um ato retórico é repleto de ação muito idiossincrática, sem, entretanto, esconder posturas passionais e temáticas de uma geração. A análise revelou manifestações expressivas sobre a postagem de paixões eufóricas e traços de caráter ainda remanescentes na sociedade contemporânea quer na escolha dos temas apresentados aos leitores do facebook quer na manifestação, explícita ou velada, de um discurso retórico muito expressivo e revelador de um modo de ser velho na sociedade contemporânea
Abstract: This thesis, inserted in the research line Reading, Writing and Teaching of Portuguese Language, of the Program of Postgraduate Studies in Portuguese Language of the Pontifical Catholic University of São Paulo, has as its theme the study of the construction of the ethos of the elderly in the relationship Social page: Facebook. When placing himself in the digital social network, the clerk assumed the authorship of what he writes: if he writes of himself, if he uses multimodality for such, he is an author and a character. Networking does not have to be a "truth," but it needs to be believable and, in that sense, persuasive. Language, on the other hand, translating man and revelation, objectively or in a less explicit way, the character of being ascertained by the unveiling of the rhetorical devices used does not reveal itself. To make this possible, we collected thirty-six senior profiles on the page and analyzed the rhetorical manifestation of character-building traits in line with Aristotle's studies of the passions and character manifested by young, old, and elderly of his time. We also collected twenty youth profiles and twenty adult profiles so that we could carry out a comparative analysis and understand whether the discursive form of character manifestation that Aristotle preached more than two thousand years ago remains, to a lesser or greater degree, in the Virtual reality experienced nowadays, for digital natives, as by digital immigrants. With the aid of modern studies of rhetoric, we understand that in verbal interaction through Facebook, ethos, pathos, and logos, they intermingle for a single discursive purpose: to attain an adherence of the other, at least by deliberation or by simple delight. In this way, the rhetorical act is filled with very idiosyncratic action, without, however, hiding the impulsive and thematic postures of a generation. An analysis has revealed expressive manifestations about a posting of euphoric passions and traits of character still remaining in contemporary society or in the choice of the themes in question, in a rhetorical discourse very expressive and revealing a way to be an elder in contemporary society
Palavras-chave: Ethos
Facebook
Retórica
Idosos e internet
Rhetoric
Elderly and the Internet
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LINGUA PORTUGUESA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Filosofia, Comunicação, Letras e Artes
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Língua Portuguesa
Citação: Costa, Sílvia Scola da. A constituição do ethos do idoso no Facebook: argumentação e retórica. 2017. 193 f. Tese (Doutorado em Língua Portuguesa) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Língua Portuguesa, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/20525
Data de defesa: 27-Sep-2017
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Língua Portuguesa

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Sílvia Scola da Costa.pdf2,32 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.