???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/4057
Tipo do documento: Dissertação
Título: Conceitos políticos na obra de Ortega y Gasset
Autor: Almeida, Antonio Charles Santiago 
Primeiro orientador: Chaia, Miguel Wady
Resumo: A proposta dissertativa orientou-se no sentido de compreender os conceitos políticos apresentados na obra de Ortega y Gasset. Para tanto, pretendeu-se identificálos a partir de uma lógica própria que o autor delineia na formulação de seu pensamento político-filosófico. Simultaneamente, buscou-se a relação entre Ortega y Gasset com outros teóricos denominados de elitistas, a exemplo de Gaetano Mosca, Vilfredo Pareto e, Robert Michels. Dessa forma, Intentou-se averiguar se Ortega y Gasset comungava das teorias elitistas e se o mesmo compôs o grupo de teóricos elitistas. Nesse sentido, a dissertação está dividida em dois momentos. No primeiro, relaciona o filósofo espanhol com outros teóricos para perceber o consenso e o dissenso entre eles e, em seguida, detectar se há singularidade tessitura do pensamento orteguiano ou se Ortega y Gasset é de fato um teórico elitista. Ainda nesse momento, pretendeu situar o período em que Ortega y Gasset se encontrava e as dimensões sócioculturais que envolveram o autor e sua postura crítica frente aos problemas que assolaram o século XX. No segundo momento, intentou-se uma análise interna da obra A Rebelião das Massas para estruturação e sistematização dos conceitos de minorias e massas apresentados nas obras Meditações de Quixote e Espanha Invertebrada. Tratando-se de uma pesquisa bibliográfica, a discussão ora apresentada é fruto de um debate com vários autores que circunscreveram o tema e não o esgotaram. Por conta disso, é importante notar as contribuições de Ortega y Gasset no debate que circula a noção de política e filosofia através dos conceitos de minorias e massas
Abstract: The dissertative proposal is guided in the sense of understanding the political concepts presented in the Ortega y Gasset work. For so much, it intends to identify them starting from an own logic that the author delineates in the formulation of its politicalphilosophical thought. Simultaneously, the relationship is looked for among Ortega y Gasset with other theoretical ones denominated of elitists, for example Gaetano Mosca, Vilfredo Pareto and Robert Michels. In that way, it is attempted to analyze if Ortega y Gasset has the same elitists theories and if the same is part of the elitist theoretical group. In that sense, the dissertation turns in two moments. In the first, it relates the Spanish philosopher with other theoretical ones to notice the consent and the disconsent among them and, after, to detect if there is structural singularity of the orteguiano thought or if Ortega y Gasset is in fact a elitist theoretical. Still on that moment, it intends to find the period in that Ortega y Gasset is placed and the socio-cultural dimensions that involve the author and its critical posture about problems that happened in 20th century. In the second moment, it is attempted an internal analysis of the work, The Masses Rebellion for the minorities and masses concepts of the structuring and systematization presented in the Quixote Meditations and Spineless Spain works. Being a bibliographical research, the discussion is grounded on a debate with several authors that referred the theme and they didn't drain it. Due to that, it is important to notice the Ortega y Gasset contributions in the debate that refer the politics notion and philosophy through the minorities and masses concepts
Palavras-chave: Massas
Hiperdemocracia
Minorities
Masses
Hiperdemocracy
Freedom
Ortega y Gasset, Jose -- 1883-1955 -- Contribuicoes em politica
Comportamento de massa
Liberdade
Minorias
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Ciências Sociais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Citação: Almeida, Antonio Charles Santiago. Conceitos políticos na obra de Ortega y Gasset. 2009. 114 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/4057
Data de defesa: 26-May-2009
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Antonio Charles Santiago Almeida.pdf591,66 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.