???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/9167
Tipo do documento: Dissertação
Título: A natureza das crises no neoliberalismo sob hegemonia norte-americana
Autor: Almeida, Mariana Neubern de Souza 
Primeiro orientador: Borges, João Machado
Resumo: A eclosão da crise econômica nos Estados Unidos entre os anos de 2007 e 2008 deu nova luz ao debate sobre a sustentabilidade dos padrões de desenvolvimento da economia norteamericana e o seu significado para a continuidade do neoliberalismo como regime de acumulação do capital. Este trabalho analisa os efeitos e as características das crises financeiras ocorridas nos Estados Unidos considerando a particularidade da organização econômica neoliberal na qual elas estão inseridas. Nosso objetivo é mostrar, a partir da análise dos dados empíricos, que a vulnerabilidade externa da economia dos Estados Unidos não é um fator decisivo para o aprofundamento dessas crises e que estas não necessariamente afetam, de modo estrutural, o arranjo econômico atualmente existente. Partindo de interpretações sobre a crise dos anos 70 e caracterizando a organização do neoliberalismo sob hegemonia norte-americana como uma resposta, por parte do capital, a essa crise, buscamos ressaltar que as atuais crises financeiras podem ter um papel funcional à reprodução do capital, sendo seus efeitos, deste ponto de vista, males suportáveis
Abstract: The emergence of the economic crisis in the United States during the years of 2007 and 2008 brought back to light the discussion on how sustainable the north-american development pattern can be and its meaning for the maintenance of neoliberalism as a capital accumulation regime. This paper analyzes the effects and characteristics of financial crises in the Unites States, considering the specificity of the neoliberal economic organization in which they are a part of. Our objective is to show, from the analysis of empirical data, that external vulnerability of the United State's economy is not the main factor responsible for the rise of crises and that these crises do not affect, in a structural way, the existent economic arrangement. Coming from interpretations on the crises of the 70s and characterizing the organization of the neoliberalism under north-american hegemony as an answer, on behalf of capital, to this crises, we intend to highlight the fact that the present financial crises can play a functional roll to the reproduction of capital and its effects, from this point of view, may be just bearable illnesses of the system
Palavras-chave: Hegemonia norte-americana
Neoliberalismo
Crise financeira
North-american hegemony
Neoliberalism
Financial crises
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Economia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia Política
Citação: Almeida, Mariana Neubern de Souza. A natureza das crises no neoliberalismo sob hegemonia norte-americana. 2011. 170 f. Dissertação (Mestrado em Economia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/9167
Data de defesa: 17-Jun-2011
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia Política

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Mariana Neubern de Souza Almeida.pdf990,47 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.