???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/9590
Tipo do documento: Dissertação
Título: Informática educativa e jovens em liberdade assistida: um estudo sobre as relações constituídas nos processos de ensino-aprendizagem entre alunos e computador
Autor: Fiorillo, Claudia Buongermino 
Primeiro orientador: Moraes, Maria Cândida Borges
Resumo: A presente pesquisa tem como propósito principal expor questões relacionadas aos processos de ensino-aprendizagem mediante o uso da informática educativa para jovens em regime de Liberdade Assistida (LA), em uma escola pública municipal da cidade de São Paulo, no periodo de 2001 a 2004. Os alunos em Liberdade Assistida são jovens que cometeram pequenas delitos, mas não foram afastados do lar, da escola, do trabalho, enfim, do seu meio natural. A pesquisa retratou o processo a implementação do uso pedagógico do computador nas escolas públicas municipais de São Paulo. Foram discutidas algumas questões relacionadas às razões pelas quais estes jovens foram levados à prática das infrações, bem como algumas de suas dificuldades principais na sua adaptação à vida em sociedade. Preocupou-se, na maior parte do tempo de desenvolvimento da pesquisa, em conhecer quais as relações que foram constituídas nos processos de ensino-aprendizagem, principalmente os significados positivos e relevantes que o aprendizado no computador possibilitou. Criminalidade, estrutura familiar, escola pública, baixa escolarização, trabalho precoce, pobreza etc, foram assuntos que se fizeram constantes ao longo deste estudo, bem como a constatação de que muito ainda é preciso ser feito, pois a complexidade da situação dos alunos em (LA) se revelou de maior tamanho do que supúnhamos. Apesar de o presente trabalho ter sido realizado ao longo de três anos, não pudemos chegar a conclusões definitivas a respeito da eficácia dessas tecnologias (informática educativa) na melhoria da condição de vida dos alunos. Constatou-se, de qualquer forma, que este é um dos possiveis caminhos a serem trilhados. Procuramos, assim, aprofundar o conhecimento da problemática envolvendo os jovens infratores, e contribuir, de forma otimista, com alternativas na busca de autonomia, bem estar, e da adaptação desses jovens à sociedade. Para tanto, foram selecionados autores como Edgar Morin, Francisco Varela, Humberto, Maturana, José Armando Valente, Maria Candida Moraes, Mario Sergio Cortella, Paulo Freire, entre outros, como fonte de referência. Aqui esta, pois, uma contribuição otimista, ainda que pequena, perante a um grande problema: jovens infratores
Abstract: The present research aims at discussing matters related to the teaching and learning processes by means of the computer for juvenile offenders who were released under supervision (Release on Recognizance), using as a case study a municipal public school in the city of São Paulo, from 2001 to 2004. The juvenile offenders are young people who committed minor offences but were not taken away from their home, their school, nor their work. The research portrayed, also, the implementation of the pedagogical use of the computer in the municipal public schools of São Paulo. Questions related to the reasons for their committing minor offences were discussed, as well as their difficulties in adapting to life in society. During most part of this research, we tried to know and unders and the meaning of the relationships created along the teaching and learning process, especially the positive and relevant ones made possible by the use of the computer. Crime, family structure, public school, low schooling, infantile work, poverty, were constant matters looked at in this study, together with the acknowledgment that there is still a lot to be done, since the complexity of this subject is greater than it was previously thought. Although this study was carried out during three years, it was not possible to reach definite conclusions about the effectiveness of the use of the computer (e.learning) in improving the lives of these students. On the other hand, it is clear that this is one of the alternatives we have to deal with this matter. On trying to deepen the knowledge of juvenile offenders and their education, authors such as Edgar Morin, Francisco Varela, Humberto, Maturana, Jose Seting Brave, Maria Candida Moraes, Mario Sergio Cortella, Pablo Freire were a source of valuable information. Here is, therefore, an optimistic contribution, though small, in the search of alternatives for adapting young offenders to society
Palavras-chave: Ensino-aprendizagem
Informatica educativa
Jovens
Informatica
Liberdade assistida
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Educação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo
Citação: Fiorillo, Claudia Buongermino. Informática educativa e jovens em liberdade assistida: um estudo sobre as relações constituídas nos processos de ensino-aprendizagem entre alunos e computador. 2005. 170 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/9590
Data de defesa: 26-Nov-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Claudia Buongermino Fiorillo.pdf8,04 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.