???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/9889
Tipo do documento: Tese
Título: Cartografia Investigativa: interfaces epistemologicas comunicacionais para mapear conhecimento em projetos de pesquisa
Título(s) alternativo(s): Investigative Cartography: Epistemological and comunicational interfaces to map knowledge in projects of research
Autor: Okada, Alexandra Lilavati Pereira
Primeiro orientador: Almeida, Fernando José de
Resumo: Um dos grandes desafios atuais no contexto da pesquisa e aprendizagem é encontrar caminhos para enfrentar a avalanche de informações. Novas técnicas são necessárias para organizar melhor todo o processo de investigação visando a construção de conhecimentos. Quando informações relevantes e significativas são mapeadas, pesquisadores conseguem explorar teorias e práticas com mais rigor e qualidade. Estudantes também podem imergir com mais profundidade na aprendizagem. A questão-chave desta tese é Como o mapeamento pode contribuir com o processo de construção de conhecimentos facilitando projetos de investigação? . A intenção deste trabalho é oferecer aos pesquisadores, professores e aprendizes estratégias para aprimorarem suas investigações. Para responder este problema, delimitei esta investigação no curso Uso software de cartografia na pesquisa qualitativa da PUC-SP Cogeae Online nos anos de 2003 a 2006. A metodologia de pesquisa é etnopesquisa-formação. Ou seja, o planejamento, discussões e reflexões foram realizados em conjunto com os alunos-pesquisadores e todo material deste curso foi produzido durante esta investigação. Neste trabalho, defino o que é Cartografia Investigativa partindo da história da cartografia e dos conceitos de mapa e investigação. Em seguida, discuto os princípios epistemológicos para guiar a construção de mapas investigativos com referência nas teorias: sistêmica, hermenêutica e dialética. Então, analiso a prática, discutindo as contribuições do mapeamento em várias etapas da pesquisa: problematização, organização de referências, conceituação, união entre teoria e prática, sistematização, argumentação e auto-organização. Sobre as considerações finais, destaco como a cartografia investigativa ajuda os pesquisadores estarem melhor focados e envolvidos com as suas investigações e, ao mesmo tempo, expandindo novos horizontes criativos
Abstract: One of today s great challenges in the context of research and learning is to find ways to deal with the overload of data,. New techniques are needed to organize better the whole process of investigation to construct knowledge. When relevant and significant information is mapped, researchers are able to explore theories and practices thoroughly. Students can also immerse deeply in their learning. The key question of this thesis is How can mapping contribute to the process of building knowledge facilitating projects of investigation? . The intention of this work is to offer to researchers, teachers and students strategies to improve their investigations. To answer this problem, I based my investigations on the course "Cartography software in the qualitative research" at PUC-Cogeae Online, from 2003 to 2006. The methodology of this research is ethno research formation. That is to say, planning, discussions and reflections were developed with the research students and the course material was produced during this investigation. In this work, I define what is Investigative Cartography starting with the history of cartography and the concepts of maps and investigation. After that, I discuss epistemological principles to guide the creation of investigative maps, with reference to systemic, hermeneutic and dialectic theories. Then, I analyse the practice, discussing the contributions of mapping in various stages of research: problematization, organization of references, conceptualization, uniting theory and practice, systematization, argumentation and self-organization. About the final considerations, I emphasize how investigative cartography helps researchers be more focussed and engaged in their investigation, and at the same time expand their creative horizons
Palavras-chave: Mapas Investigativos
Construção de Conhecimento
Metodologia de Pesquisa e Aprendizagem
Investigative Maps
Building of Knowledge
Methodology of Reaserch and Learning
Aprenidzagem
Inovacoes tecnologicas
Pesquisa -- Metodologia -- Processamento de dados
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Educação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo
Citação: Okada, Alexandra Lilavati Pereira. Investigative Cartography: Epistemological and comunicational interfaces to map knowledge in projects of research. 2006. 315 f. Tese (Doutorado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/9889
Data de defesa: 19-Apr-2006
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
okadatese.pdf15,65 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.